13 de abril de 2017

A Bíblia foi escrita por católicos e para católicos?

 

Um sofisma romanista dos mais repetidos pelos apologistas católicos no Brasil é a reprodução de uma frase tosca e nonsense proferida pelo padre Paulo Ricardo, que é considerado uma espécie de semideus por alguns católicos deste país. Ele disse em rede nacional aos telespectadores de uma TV católica que “a Bíblia foi feita por católicos e para católicos”.

Se uma frase ridícula como essa tivesse sido dita a pessoas cultas ou com ao menos um pedaço de cérebro na cabeça, ele teria sido alvo de tomates e zombaria por algo tão vergonhosamente falso e facilmente refutável por uma lógica elementar. Mas como isso foi dito por católicos e para católicos, não me surpreende que tenha ganhado tanta atenção. É impressionante o número de papistas que realmente acreditaram que Moisés, Davi, Salomão e outros escritores da Bíblia eram católicos romanos, escrevendo a outros católicos, quando ainda nem existia Cristianismo, quanto menos catolicismo.

Quem aplaude uma idiotice como essa deveria em primeiro lugar saber que 2/3 da Bíblia é Antigo Testamento, e 1/3 é Novo Testamento. Essa frase tosca levaria qualquer um a crer que os profetas do Antigo Testamento eram católicos, serviam a um magistério romano, iam às missas e estavam debaixo da autoridade de um papa. A não ser que para os papistas “Bíblia” signifique “apenas o Novo Testamento”, é isso o que deveríamos concluir. O que deveríamos supor de alguém que afirma algo assim? Que é louco? Que é leviano? Que é desvairado? Não. Que é somente o padre Paulo Ricardo.

Não cabe aqui ressaltarmos mais uma vez o que significa Igreja no conceito bíblico, ou o significado de católico nos primeiros séculos – coisas que já abordamos amplamente neste blog, refutando o mito de que o Novo Testamento foi escrito “por católicos” (romanos) ou “para católicos” (romanos). Vocês podem conferir uma lista aqui:


Em adição e em resposta àqueles que insistem em dizer que devemos à Igreja Romana a conservação da Bíblia, devemos observar que outras  igrejas  não administradas por Roma também tiveram função relevante na preservação e cópia dos  manuscritos, como a Ortodoxa e a Copta. Portanto, se a Igreja de Roma é a “verdadeira Igreja de Cristo” porque alguns romanos ajudaram na preservação e cópia dos manuscritos bíblicos, então a Igreja Ortodoxa e a Copta também seriam a “verdadeira Igreja de Cristo”, porque elas fizeram o mesmo. Mas essas igrejas ensinam várias doutrinas contrárias à Igreja Romana, e nenhum romano crê que elas sejam a verdadeira Igreja de Cristo. Este argumento, portanto, não prova nada. Tem selo de 100% de inutilidade.

E se esse argumento tivesse realmente procedência no sentido de provar que em função da preservação de manuscritos bíblicos signifique que tal vertente religiosa é a certa, então deveríamos antes de tudo voltarmos ao Judaísmo, pois 2/3 das Escrituras (referentes ao Antigo Testamento) foi preservado por judeus na antiguidade, e se não fosse pelas suas cópias não teríamos o que chamamos de “Bíblia” hoje (teríamos apenas o Novo Testamento). Mas os apologistas católicos soberbos, arrogantes e desnutridos de inteligência como o padre Paulo Ricardo desprezam completamente o papel exercido na preservação de manuscritos bíblicos por judeus e ortodoxos, atribuindo toda honra e glória somente à Igreja Romana, e automaticamente a elevando ao patamar de “única Igreja de Cristo” em detrimento de todas as demais.

Por fim, devemos ainda lembrar que o papel desempenhado pela Igreja Romana ao impedir o acesso à Bíblia pelo povo comum em língua vernácula foi muito maior do que o papel positivo desempenhado com a cópia de manuscritos. O Concílio de Tolosa (1229) mostra como eles tratavam com amor cristão aqueles que buscavam a leitura da Bíblia:

“Proibimos os leigos de possuírem o Velho e o Novo Testamento. Proibimos ainda mais severamente que estes livros sejam possuídos no vernáculo popular. As casas, os mais humildes lugares de esconderijo, e mesmo os retiros subterrâneos de homens condenados por possuírem as Escrituras devem ser inteiramente destruídos. Tais homens devem ser perseguidos e caçados nas florestas e cavernas, e qualquer que os abrigar será severamente punido”[1]

E mais uma vez devemos lembrar as proposições condenadas pelo papa Clemente XI:

70. Útil e necessário é em todo tempo, em todo lugar e para todo gênero de pessoas estudar e conhecer o espírito, a piedade e os mistérios da Sagrada Escritura.

81. A obscuridade santa da Palavra de Deus não é para os leigos razão de dispensar-se da sua leitura.

82. O dia do Senhor deve ser santificado pelos cristãos com piedosas leituras e, sobretudo, das Sagradas Escrituras. É coisa danosa querer retrair os cristãos desta leitura.

83. É ilusão querer convencer-se de que o conhecimento dos mistérios da religião não devem comunicar-se às mulheres pela leitura dos Livros Sagrados.

84. Arrebatar das mãos dos cristãos o Novo Testamento ou mantê-lo fechado, tirando-lhes o modo de entendê-lo, é fechar-lhes a boca de Cristo.

86. Arrebatar ao povo simples este consolo de unir a sua voz à voz de toda a Igreja, é uso contrário à prática apostólica e à intenção de Deus.

(Denzinger #1429-1434, 1436, 8 de Setembro de 1713)

Sim, a Igreja Romana “guardou” a Bíblia. Ela a guardou do povo, os mantendo por séculos nas trevas da ignorância.

Paz a todos vocês que estão em Cristo.

-Extraído do meu livro: “Em Defesa da Sola Scriptura” (com adaptações)

Por Cristo e por Seu Reino,

-Meus livros:

- Veja uma lista de livros meus clicando aqui.

- Confira minha página no facebook clicando aqui.

- Acesse meu canal no YouTube clicando aqui.


-Não deixe de acessar meus outros blogs:

LucasBanzoli.Com (Um compêndio de todos os artigos já escritos por mim)
Apologia Cristã (Artigos de apologética cristã sobre doutrina e moral)
O Cristianismo em Foco (Artigos devocionais e estudos bíblicos)
Desvendando a Lenda (Refutando a imortalidade da alma)
Ateísmo Refutado (Evidências da existência de Deus e veracidade da Bíblia)
Fim da Fraude (Refutando as mentiras dos apologistas católicos)




[1] Concil. Tolosanum, Papa Gregório IX, Anno Chr. 1229, Canons 14:2.

95 comentários:

  1. "então deveríamos antes de tudo voltarmos ao Judaísmo, pois 2/3 das Escrituras (referentes ao Antigo Testamento) foi preservado por judeus na antiguidade,"

    - Se viu aquele vídeo do Paulo Leitão que eu mandei algum tempo atrás, já deve saber a "refutação": não existiam judeus ou Judaísmo no Antiguidade, porém existia um povo que recebeu a religião que haveria de vir (sem comentários para essa declaração).

    "e se não fosse pelas suas cópias não teríamos o que chamamos de “Bíblia” hoje (teríamos apenas o Novo Testamento)."

    - Acho que nem NT teríamos, até porque a mensagem não faria sentido nenhum por depender totalmente do AT.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "- Se viu aquele vídeo do Paulo Leitão que eu mandei algum tempo atrás, já deve saber a "refutação": não existiam judeus ou Judaísmo no Antiguidade, porém existia um povo que recebeu a religião que haveria de vir (sem comentários para essa declaração)."

      Não vi esse vídeo ainda, mas vindo do Paulo Leitão não me surpreendo com nada, qualquer loucura é esperada.

      "- Acho que nem NT teríamos, até porque a mensagem não faria sentido nenhum por depender totalmente do AT."

      Verdade, tem razão.

      Excluir
  2. Olá Lucas, excelente artigo!
    Vc poderia me dizer quando começou entrar o paganismo na igreja,ou seja, quando começou a deixar de seguiro genuíno evangelho?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi de uma hora pra outra, foi um processo gradual, algumas doutrinas foram sendo desvirtuadas desde o século II, enquanto outras no século III, IV, V e algumas só na Idade Média. Mas se é preciso apontar um momento específico onde esse desvio foi acentuado, seria com a "conversão" de Constantino e mais tarde com a oficialização do Cristianismo como religião oficial do Império sob Teodósio, quando o Cristianismo se tornou a única religião legal no Império e multidões de pagãos tiveram que se "converter" do dia pra noite sem qualquer conversão genuína de coração, e consequentemente trouxeram consigo toda a sua mentalidade e costumes pagãos para dentro da Igreja da época. Leia esse relato de um ex-satanista para entender melhor:

      http://lucasbanzoli.no.comunidades.net/por-detras-do-catolicismo

      Excluir
  3. A Paz de Cristo Lucas!Com relação ao Pe. Paulo Ricardo ele distorce os dogmas de Protestantes, infelizmente e quando ele se junta com aquele que se diz apologeta Felipe Aquino ...aí é que eles zombam mesmo dos Evangélicos .Uma vez assisti há dois anos atrás num programa chamada Escola da Fé eles interpretando mal a doutrina que nós defendemos a justificação pela fé, dizendo que Lutero disse:basta ter fé e viver no pecado que no final seria salvo...é muita canalhice desses caras sabe Lucas.Lutero nunca disse isso é tão verdade que Lutero quando chegou em Roma encontram monges saindo dos mosteiros e indo se prostituírem e também na época chamou os papas de porcos por se entregarem a bebida e a luxúria...e depois vem na maior cara de pau em dizer que Martinho era a favor do pecado chamando de bêbado somente por que ele tinha uma fábrica de cervejaria, de fato esses apologistas são fanáticos mesmo.Sobre a questão da proibição do acesso a Bíblia eles alegam é por que a sociedade era analfabeta e não estava preparada e até os Padres muitos deles não sabiam o hebraico, o aramaico e o grego direito ...e se apegavam mais nas crendices e superstições infelizmente levando multidões a perdição...é lamentável hoje alguns fanáticos dizerem que a ICAR é a melhor "Igreja do mundo".Não tenho dúvida nenhuma se a ICAR tivesse o mesmo poder da Idade Média estaríamos escravos dessa Igreja Apóstata Maculada Romana.Eles até reconhecem que eles não consegue ter a mesma hegemonia é por que nós Protestantes não deixamos e jamais deixaremos, nesse assunto eles tem razão por que nós sabemos Lucas o quanto nós irmãos no passado sofreram por amor as Escrituras Sagradas não é mesmo irmão?Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem observado, mas quem realmente acha que um cara desses está disposto a estudar a fundo o ponto de vista contrário para apresentá-lo integralmente e refutar sem espantalhos? O próprio OBJETIVO deste sujeito é esse, é distorcer deliberadamente a crença alheia, enchendo de mentiras, calúnias e difamações contra a fé protestante para ver se assim consegue acirrar os ânimos de um ou outro fanático mais extremista e dos ignorantes que não tem qualquer conhecimento da crença contrária.

      E o que você disse é 100% verdade, é o que eu venho dizendo há um bom tempo: a ICAR não mudou porque de repente se tornou "boazinha" e decidiu que assassinar não-católicos é errado; ela só mudou porque FORÇARAM ela a mudar, da mesma forma que forçaram o nazismo a ser extinto no mundo. Essa versão recente da Igreja Romana "pacífica" e "tolerante" só veio depois que ela perdeu totalmente o poder político que tinha antes, isso não é coincidência, é consequência. Deem poder a ela de novo para ver o inferno que isso aqui vai virar outra vez (queira Deus que isso nunca aconteça).

      Abs!

      Excluir
  4. Sobre o uso de "a Igreja do Deus Vivo é coluna e sustentáculo da verdade contra Sola Scriptura, o que eu digo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Veja aqui:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2015/06/a-igreja-e-coluna-e-sustentaculo-da.html

      Excluir
    2. O que eu faço se usarem “Pedro começou a dizer-lhe: Eis que deixamos tudo e te seguimos. Respondeu-lhe Jesus: Em verdade vos digo, ninguém há que tenha deixado casa, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, esposa, ou filhos, ou terras, por causa de mim e por causa do Evangelho, que não receba, já neste século, cem vezes mais casas, irmãos, irmãs, mães, filhos, e terras, com perseguições, e no século vindouro a vida eterna”. (Marcos 10,28- 29) para apoiar celibato obrigatório?

      Excluir
    3. A igreja romanista contruiu a civilização ocidental?

      Excluir
    4. O que eu faço se usaram "a letra mata, mas o Espírito vivifica" e "muitas outras coisas" contra sola scriptura?

      Excluir
    5. Em debate com um romanista mais inteligente que sabe oque é denominação(denominar=dar nome) mas diz uma única Igreja não pode ter mais de um nome?

      Excluir
    6. Qual sua opinião sobre a treta Paulo Junior x Silas Malafaia?

      Excluir
    7. Sou TOTALMENTE contra ordenação feminina,e você?

      Excluir
    8. Divórcio só não é pior que casamento gay porque casamento gay detrói todo conceito de família e causa genocídio contra a mesma,enquanto o divórcio só acaba de uma por uma.
      Eu sou contra o divórcio em qualquer caso,não sei de onde tiraram que adultério é exceção,a palavra usada é "porneia"=fornicação e não "mokeia"(acho que é assim que se escreve)=adultério.Ou seja,oque se pode é cancelar o casamento caso a(o) noiva(o) pule a cerca(que é oque José pensou que Maria fez).
      Você já falou sobre isto?Abç

      Excluir
    9. Olá, recomendo postar cada questão em um comentário separado, é melhor do que comentar tudo junto em um texto só, mas vamos lá:

      "O que eu faço se usarem “Pedro começou a dizer-lhe: Eis que deixamos tudo e te seguimos. Respondeu-lhe Jesus: Em verdade vos digo, ninguém há que tenha deixado casa, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, esposa, ou filhos, ou terras, por causa de mim e por causa do Evangelho, que não receba, já neste século, cem vezes mais casas, irmãos, irmãs, mães, filhos, e terras, com perseguições, e no século vindouro a vida eterna”. (Marcos 10,28- 29) para apoiar celibato obrigatório?"

      Se esse texto proíbe o casamento, então também proíbe:

      1) Ter uma casa.
      2) Ter irmãos e irmãs.
      3) Ter pai e mãe.

      Afinal, está tudo no texto. E vale lembrar que Jesus não estava falando especificamente dos sacerdotes quando usa o termo "NINGUÉM" ou "TODO AQUELE", ele estava falando de uma verdade universal. E se o texto for interpretado ao pé da letra (ou seja, de pessoas largando a família para o ministério), iria se chocar com o que Paulo escreveu:

      "Se alguém não cuida de seus parentes, e especialmente dos de sua própria família, negou a fé e é pior que um descrente" (1 Timóteo 5:8)

      O texto está em sentido espiritual, no sentido de colocar Deus acima de tudo. Se fosse em sentido literal (ao pé da letra) iria favorecer os teólogos da prosperidade, que teriam um prato cheio com um texto que diz que teriam ainda neste século "cem vezes mais casas" (o que sabemos que não acontece, exceto com os charlatões que enriquecem às custas da fé) e "cem vezes mais mães" (o que é biologicamente impossível).

      “A igreja romanista contruiu a civilização ocidental?”

      Não. Veja aqui:

      http://religiaoeveneno.com.br/antigo/discussion/1303/a-igreja-catolica-nao-construiu-a-civilizacao-ocidental-coisa-nenhuma-os-erros-de-thomas-woods-jr.html

      “O que eu faço se usaram "a letra mata, mas o Espírito vivifica" e "muitas outras coisas" contra sola scriptura?”

      O “muitas outras coisas” escrevi aqui:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2015/03/argumento-catolico-fez-muitas-coisas.html

      O “a letra mata mas o Espírito vivifica”, se um católico usa isso contra a Sola Scriptura só pode ser um completo doente mental, por acaso a Igreja Romana afirma que A BÍBLIA MATA? Nem eu sabia que já havia chegado a este ponto. Se a Bíblia mata, então os católicos nem poderiam crer nela (pelo menos esse aí admite isso abertamente, enquanto os outros ainda fingem que dão valor à Bíblia). Se possível me passe o print do católico que afirmou isso pra sair nas pérolas tridentinas. Quando Paulo falava da letra ele se referia à lei mosaica e não à própria Escritura em si, e o Espírito que vivifica não tem nada a ver com a tradição romanista, essa é boa, transformaram o Espírito Santo na tradição oral papista, meu Deus!!! A coisa já chegou a níveis surreais pelo jeito!

      Excluir
    10. “Em debate com um romanista mais inteligente que sabe oque é denominação(denominar=dar nome) mas diz uma única Igreja não pode ter mais de um nome?”

      Igreja não é instituição, leia os artigos do blog referentes à natureza da Igreja:

      http://www.lucasbanzoli.com/2015/07/artigos-sobre-catolicismo.html

      “Qual sua opinião sobre a treta Paulo Junior x Silas Malafaia?”

      Veja aqui:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2017/03/paulo-leitao-refuta-completamente-o.html?showComment=1490975901913#c5439164927508341193

      “Na caixa de comentários deste vídeo:https://youtu.be/RKjP8YlEwS8 um sujeito chamado "jack rj" disse:Protestantes só creem no que tá na Bíblia,não tá na Bíblia que existo então não existo" Bate o print para "como funciona o mundo na cabeça de zumbí tridentino.☺”

      Essa foi demais, printado!

      “Sou TOTALMENTE contra ordenação feminina,e você?”

      Sou a favor.

      “Divórcio só não é pior que casamento gay porque casamento gay detrói todo conceito de família e causa genocídio contra a mesma,enquanto o divórcio só acaba de uma por uma. Eu sou contra o divórcio em qualquer caso,não sei de onde tiraram que adultério é exceção,a palavra usada é "porneia"=fornicação e não "mokeia"(acho que é assim que se escreve)=adultério.Ou seja,oque se pode é cancelar o casamento caso a(o) noiva(o) pule a cerca(que é oque José pensou que Maria fez). Você já falou sobre isto?Abç”

      Mas porneia significa adultério também, em qualquer dicionário de grego. O que destrói um relacionamento é a infidelidade conjugal, o divórcio é apenas uma consequência disso.

      Excluir
    11. Lutero disse que Zwinglio era "inimigo do evangelho"? Os anabatistas foram perseguidos?

      Excluir
    12. Ouvi falar que Tomás de Aquino cria em sola gratia, sola fide e até na eleição incondicional!

      Excluir
    13. Lutero e Zwinglio tiveram atritos, mas não sei se ele chegou a chamá-lo de "inimigo do evangelho" (embora na hora do nervosismo costumamos falar coisas exageradas que não procedem, então não duvido que isso possa ter ocorrido).

      Aquino defendeu a Sola Gratia e a Sola Fide, rejeitava explicitamente a imaculada conceição e tomava a Escritura como autoridade suprema e final, mas se ele chegou a defender a eleição incondicional também eu não tenho conhecimento. Se você tem fontes me cite que eu tenho bastante interesse em saber.

      Excluir
    14. Eles sitam mas não focam nele: http://www.montfort.org.br/bra/cartas/doutrina/20040904134700/

      Excluir
    15. Este é mais direto(na verdade eu achei a explicação dele confusa):
      http://www.monergismo.com/textos/predestinacao/predestinacao_aquino.htm

      Excluir
    16. Neste último a posição de Aquino me parece bem clara em favor da predestinação em um sentido determinista. Não admira que tenha sido publicado em um dos sites calvinistas mais conhecidos do Brasil (que defende as mesmas coisas que Aquino disse ali). Obrigado por me passar a fonte :)

      Excluir
    17. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    18. Os anabatistas, como um todo, como religião, não foram perseguidos. Quem foi "perseguido" foram os ANABATISTAS RADICAIS que na verdade eram vândalos baderneiros que queriam fazer a revolução na Europa por métodos violentos, os quais ganharam o repúdio de Lutero e dos outros reformadores, que não concordavam com esses métodos.

      Excluir
    19. Nesse artigo eu falo um pouco sobre essa ala mais radical de anabatistas:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2015/12/a-terrivel-monstruosa-e-abominavel.html

      Excluir
  5. Eu queria escrever "Agora os católicos desistem" depois desse pequeno post incrivel, mas meh, eles são em suma maioria completamente leigos.
    chega a ser até engraçado como a midia faz parecer que os evangélicos são loucos crentelhos que acham que tudo "é do demonio", e os católicos são os gente fina. eu acreditava nisto.
    enfim, parabéns pelo texto.
    e, antes que eu esqueça: qual sua opinião sobre 1 joão 5-7?
    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles não desistirão mesmo, zumbis são feitos para obedecer ordens e não para pensar por si mesmos.

      Sobre o texto de João, eu comentei na parte final deste artigo:

      http://ateismorefutado.blogspot.com.br/2014/12/a-autenticidade-do-novo-testamento.html

      Abs!

      Excluir
  6. LUCAS E PECADO UM CRISTAO FAZER MUSCULAÇAO EM UMA ACADEMIA? PORQUE EU JA VI PASTOR INCLUSIVE REFORMADO DIZENDO QUE A VAIDADE PELO CORPO SARADO E PECADO. SUA OPINIAO?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que não. Paulo diz que os exercícios físicos são de "pouco proveito" em comparação com a piedade (1Tm 4:8), mas algo de "pouco proveito" ainda assim é de algum proveito (só que algo inferior em relação a uma coisa que conduz à vida eterna).

      Excluir
  7. O título de santidade não é dado pelos católicos a nenhum personagem do antigo testamento. Nunca ouvi um São Moisés, São Elias, São Abraão. Pode ser fruto de antissemitismo, que é muito forte na Igreja Católica.
    Só se lembram dos personagens do AT quando convém igual desse caso desse padre citado.

    ResponderExcluir
  8. "O que eu quis dizer é para não "proceder" (não ir adiante) COM ELA enquanto ela estiver namorando, mas se quiser procurar outra menina, é direito seu, eu também não vejo lógica em ficar "esperando e torcendo"."
    Você acha que a dor do amor é com outro amor que se cura?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende, há pessoas que não conseguem esquecer alguém mesmo estando com outra pessoa, e há outras que mesmo estando sem ninguém conseguem esquecer com o tempo. Cada caso é um caso. Só não digo para ir procurando alguém só pra deixar de sofrer ou por carência, isso é a maior furada que existe. Deixe as coisas acontecerem com naturalidade que um dia você vai esquecer ela e vai surgir outra pessoa na sua vida.

      Excluir
    2. Não sou a pessoa que fez a pergunta, mas Lucas, cuidado com isso que você falou pois é heresia.

      "Deixe as coisas acontecerem com naturalidade que um dia você vai esquecer ela e vai surgir outra pessoa na sua vida."

      Pode não acontecer. Ele pode amanhã descobrir que tem câncer e que vai morrer daqui a 6 meses, ou ser assaltado e morto (o que não é tão improvável em um país tão violento como o nosso). Claro que espero que nada disso aconteça com ele, mas é possível.

      Isso que você falou é humanismo puro. Cuidado com as influências que vem tendo. Abs.

      Excluir
    3. Mas isso é uma coisa tão óbvia que está implícito na afirmação, não precisa ser explicitado no texto. Quando Paulo disse: “IREI À ESPANHA” (Rm 15:28), ele não precisou dizer: “Olha só pessoal, eu só irei à Espanha se eu não descobrir que tenho câncer e morrer daqui 6 meses, eu não sou um humanista não, viu?”. Claro que não. Ele afirmou aquilo sem precisar abrir parêntesis nenhum para falar da possibilidade óbvia de morrer antes disso (ou de Jesus voltar, ou de qualquer outra eventualidade), da mesma forma que eu fiz na minha postagem. Já pensou como um mundo seria se SEMPRE que falássemos sobre algo futuro na vida tivéssemos que abrir um parêntesis para falar que pode não acontecer se morrer antes? Você está conversando com um amigo e ele diz:

      - Eu vou pra Copa da Rússia (2018), você não acha legal?

      - Seu humanista secular! Como você sabe se não vai pegar câncer e morrer daqui 6 meses??? Cuidado com as influências que vem tendo!

      Ou então:

      - Vou tomar café amanhã de manhã.

      - Seu humanista secular! Como você sabe se não vai morrer de infarto daqui 6 horas??? Cuidado com as influências que vem tendo!

      Enfim, se a lógica que você usa fosse empregada na vida real e tivéssemos sempre que incluir eventualidades como a morte em vez de deixá-la como um elemento implicitamente óbvio, os relacionamentos humanos inexistiriam.

      Excluir
    4. Ola Lucas. Eu vi este post e resolvi escrever pois tenho passado por algo parecido embora embora prefiro não entrar em detalhes. Aconteceram algumas coisas nos últimos meses. Alguém me feriu profundamente. Eu tenho tentado seguir em frente, tenho orado constantemente mas parece que a situação não muda. Já não sei o q pensar e estou cansada. Tambem não sei se devo apenas esperar que Deus faça uma obra e me liberte desses sentimentos que estão me oprimindo ou devo reconhecer que eu tb "preciso fazer a minha parte".
      A questão é que percebi que tudo parece me atingir em proporções absurdas, e o que é pior tenho quase todos os sintomas de alguém Borderline.
      Tenho receio em ir em psicólogo, pois depois q isso aconteceu, coisas ruins desencadearam em mim.
      Não quero ir pra psicólogo/ psiquiatra pq sei q irão me submeter a drogas (já estive nelas antes de me converter). Você vê tratamento psiquiátrico um problema pra um crente que 'supostamente' tem q viver somente pela fé ? Ou seja , um crente em Cristo deve procurar ajuda de homens ?

      Excluir
    5. Nataly, esse é um assunto bastante pertinente. Eu escrevi sobre isso há um tempo atrás em um livro meu, um dos capítulos se chama "Crente não pode ficar doente?". Ali eu mostro que na Bíblia muitos servos de Deus ficam doentes e tomam aquilo que seria para a época o equivalente a um remédio nos dias de hoje. Postei no meu outro site:

      http://apologiacrista.com/crente-nao-pode-ficar-doente

      Em resumo, o fato de termos fé não implica que não tenhamos que nos consultar com homens e buscar a ajuda deles, uma vez que eles mesmos foram capacitados por Deus a esse propósito. Da mesma forma que temos fé em Deus, sabemos que ele nos protege, mas não vamos estacionar o carro com a porta aberta e com a chave no volante, nem vamos deixar o portão de casa aberto, etc. A precaução faz parte do nosso papel.

      Em relação ao seu caso em específico, eu entendo as razões pelas quais você pensa assim, a minha mãe pensa da mesma forma em relação a outros problemas, porque realmente os remédios são uma "droga", que causam alterações no corpo humano podendo resultar em outros problemas. Mas às vezes é bom refletir e pesar numa balança se não vale mais a pena correr esse risco (ou seja, as contra-indicações do remédio) do que continuar sofrendo com aquilo que passa hoje.

      A minha recomendação seria ir a um médico e ver o que ele lhe diz, avaliando bem se vale a pena ou não as suas recomendações. Há tempos atrás eu estava tomando um remédio contra os tiques nervosos, ele estava melhorando bastante neste aspecto, mas me fazia dormir um tanto absurdo, então eu pesei na balança e decidi que era melhor parar com o remédio. Cada caso é um caso, talvez você veja que valeu a pena, talvez entenda que é melhor parar. Mas é melhor fazer uma tentativa do que deixar as coisas do jeito que estão.

      E acima de tudo, não pare nunca de orar. Da mesma forma que a oração não exclui a necessidade de se consultar com os médicos, a consulta médica também não exclui a necessidade de oração. Deus pode curar com ou sem a ajuda médica, mas ele quer que nós tomemos as providências que estão ao nosso alcance.

      Abs!

      Excluir
    6. Agradeço pela resposta e atenção Lucas, vou levar em consideração o que você disse.
      Deus lhe abençoe. :)

      Excluir
    7. Obrigado, Deus lhe abençoe igualmente!

      Excluir
  9. Qual chega primeiro: a continuação do artigo da autoria do evangelho de João ou a prisão de Lula? haha

    ResponderExcluir
  10. Como vai meu irmão em Cristo? Esses líderes católicos é uma piada mesmo eu o vi o vídeo desse Pe. chamando à nossa comunidade de "otários", segundo ele o princípio Protestante é o soberbo...é simplesmente lunático, idiota, babaca mesmo falando que a ICAR é humilde desprezando a crença alheia , esse Pe. é um coitado , eu acho que nesse dia ele tava a base de Lexotan misturado com outra droga LSD kkkkk....ele é hilário.quando ele disse que os Protestantes são orgulhosos , ele mesmo deu um tiro no seu própio pé...por que quando ele bate no peito que só a ICAR é mais humilde ele já tá demonstrando dentro de si o sentimento diabólico que a SOBERBA é tão verdade que um sujeito desse nem estuda a Bíblia,nunca o vi ensinando as Escrituras , simplesmente enganando os incautos com sofismas e usando textos fora de contexto dos Pais da Igreja e se apegando ao livro que ele mais gosta de São Tomás de Aquino, apesar de ser um bom filósofo,mas ele não é a regra de fé e conduta par um Cristão Autêntico, muito longe disse além de ser a favor na época da inquisição satânica romana.Quem autointitula a melhor é essa prostituta que não tem vergonha na cara de querer sempre aparecer e se achar "gostosa" piada essa Meretriz desgraçada sempre com o coração perverso pra tragar os Cristãos vulneráveis.como você bem colocou Lucas essa romana o coração dela é igual da Idade Medieval ...a diferença que ela mudou a roupagem a partir do século19, onde não conseguiu mas a tortura pelos seus inquisidores e agora tenta atrair através do Ecumenismo maldito do demônio.Só que eles esquecem que nos Evangélicos jamais cairemos nessa cilada chamada Idólatra Romana , isso é fato consumado!Lucas vamos avante de ganhar os católicos pra Cristo.Deus te ajude irmão valoroso e destemido....uma coisa é certa não pare de falar a verdade do nosso Senhor do qual você tem incomodado os romanos ,continue avante.Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pior foi ele ter dito que nós somos "orgulhosos" por fazermos exatamente aquilo que TODO o povo de Deus sempre fez em todas as eras bíblicas: irmos direto a Deus. Você nunca vai ver alguém como Moisés, Davi, Daniel, Pedro, Paulo ou Jesus tendo que passar primeiro por um panteão de "santos" para só depois a mensagem chegar a Deus; ao contrário, eles sempre dirigiam as suas preces direto a Deus e não viam problema nenhum nisso. Mas na opinião do "humilde" padre Paulo Ricardo, são todos eles "orgulhosos", tão soberbos quanto esses protestantes malvados que copiam os apóstolos e os servos de Deus.

      Excluir
  11. O que acha?
    https://www.youtube.com/watch?v=6tCrrUkOY2Q

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até os 2:10 ele diz o que eu penso, o ensinamento bíblico a este respeito. Depois começa a misturar com devaneios calvinistas de determinismo total onde Deus decreta todos os pecados da história do mundo, entra em contradição e em confusão com o que havia afirmado antes e tenta resolver esse dilema com um "mistério" desnecessário que só existe na cabeça dos calvinistas rigorosos.

      Excluir
  12. Lucas,vc tem algum artigo que fala das adulterações nas biblias católicas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não, é um tema importante que eu tratarei em um artigo futuro, sempre penso em escrever sobre isso mas acabo me esquecendo depois.

      Excluir
  13. Postar foto sem camisa no facebook, com intenção de mostrar o corpo definido para as garotas, é pecado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, se o propósito é só exibição, seria pecado de sensualidade, da mesma forma que seria se uma mulher exibisse seu corpo para atrair os homens.

      Excluir
    2. De qualquer forma eu jamais postaria foto sem camisa no facebook, não tenho corpo sarado :)

      Excluir
  14. Lucas estava vendo um video onde disseram que Tertuliano disse que Jesus não é coeterno com o Pai, mas passou a existir num momento. É verdade. E no final de sua vida ele se apostatou e virou montanista.Embora Tertuliano tenha sido contra o batismo infantil, o motivo que fez ele ser contra isso foi o fato dele crer que o arrependimento para perdão de pecados mortais só poderia ocorrer uma vez depois do batismo e dai seria necessário prolongar mais o batismo pra vida adulta. Um pastor que disse tudo isso. é verdade?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A posição de Tertuliano sobre a trindade era confusa e contraditória. Você pode ler sobre isso aqui:

      http://www.e-cristianismo.com.br/historia-do-cristianismo/pais-apologistas/tertuliano-defendia-a-trindade.html

      Ele virou montanista, mas não dá pra saber ao certo se o montanismo era mesmo uma seita ou não. Muita coisa (quase tudo) do que é hoje atribuído aos montanistas não vem dos seus proponentes originais e nem de Tertuliano, mas de ataques de Pais da Igreja de tempos posteriores que nem chegaram a conviver com os montanistas em vida e que podiam atacar o movimento como caricatura, tal como os espantalhos que os católicos fazem dos evangélicos hoje.

      Sobre a questão do batismo, não há nada que prove que sua crença no arrepedimento de pecados mortais tenha relação direta com a rejeição ao batismo infantil. Ele usava o mesmo argumento dos evangélicos (a questão da falta de consciência) quando disse: "Deixai-as tornarem-se cristãs quando forem capazes de conhecerem a Cristo". E ainda: "Deixe eles saberem como pedir pela salvação, para que você não pareça (ao menos) ter dado a ele que pede". Ou seja, para ele as crianças não podiam ser batizadas porque era necessário se tornarem cristãs e conhecerem a Cristo racionalmente, ao ponto de "pedir pela salvação". E se a única razão pela qual ele fosse contra o batismo infantil fosse essa crença em relação à penitência, então ele não teria dito para esperar apenas até a fase adulta, teria em vez disso insistido para que se fizesse no final da vida, quando já velho, tal como era difundido por alguns por volta do século IV.

      Excluir
    2. Tertuliano se confundiu na Trindade e mesmo assim a palavra Trindade nós aprendemos com ele. Então essa palavra pra ele poderia significar outra coisa que não significa para nós hj, ou seja, podemos estar usando uma palavra de um herege para algo ortodoxo.

      Excluir
  15. Olá Lucas ! Eu sou aquele mesmo que escreveu a pergunta sobre a religião verdadeira ( catolicismo ou protestantismo ) Cara realmente eu estou desesperado não sei qual religião seguir tenho orado constantemente a Deus e não sinto nada , também tenho lido a bíblia . Tenho encontrado grande consolo na doutrina da Sola Fide , porém estou cercado por católicos que todos os dias argumentAM e me indicam Padre Paulo Ricardo , Olavo de Carvalho e Conde . Elês falam mal do protestantismo e dizem que os protestantes estão desviados da doutrina apostólica e que são hereges . Lucas o catolicismo parece me algo que está longe da Graça de Deus ,porém todos meus amigos e companheiros dizem e apelam para os apóstolo e que a igreja e Romana ,o que faz minha " esperenca protestante " declinar pois as vezes tem argumentos muito bons . Não sei o que fazer a condenação e o castigo sempré estão diante de mim por favor ore por mim ! Você tem alguma palavra de consolo que poderia me dar ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você apenas se cercar de católicos, como diz acontecer, é óbvio que acabará influenciado por eles e adotará as crenças deles. Você tem que pensar por si mesmo em vez de deixar que os outros pensem no seu lugar e façam a sua cabeça. Esses argumentos que você diz que alguns “parecem muito bons”, só tem essa aparência porque você ainda é leigo e iniciante nos estudos sobre o tema, quando eu tinha meus 16 anos e ainda não sabia quase nada de Bíblia e teologia também pensava que alguns desses argumentos eram bons, mas com o tempo a gente vai crescendo e amadurecendo, estudando e pesquisando, e cada vez mais percebe o quanto TODOS eles são completamente ridículos, falaciosos e facilmente refutáveis. Para todos eles eu tenho um monte de refutações que você pode acompanhar uma a uma nessa lista temática de artigos de meu outro site:

      http://www.lucasbanzoli.com/2015/07/artigos-sobre-catolicismo.html

      Se por acaso houver algum tema que eu ainda não tenha tratado nessa lista, você pode expor a mim e eu responderei sem problemas. Também recomendo a leitura dos meus livros, especialmente daqueles com temática católica, todos eles eu disponibilizo de graça em pdf, não tem desculpa pra não ler:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2017/04/baixe-todos-os-meus-livros-com-um-so.html

      Em especial, o “Em Defesa da Sola Scriptura” e o “A História não contada de Pedro” são INDISPENSÁVEIS a qualquer pessoa que quiser se introduzir nos assuntos do papado, tradição e Sola Scriptura.

      Para terminar, o que recomendo a você acima de tudo é: leia o Novo Testamento quantas vezes puder, uma vez atrás da outra, de Mateus a Apocalipse, e depois dessas leituras reflita consigo mesmo com sinceridade e honestidade as seguintes questões:

      Excluir
    2. 1) Algum apóstolo iniciava suas cartas com um “Salve Maria” (como os romanistas fazem hoje) e focavam nela o tempo todo (como fazem os romanistas), ou em vez disso centralizavam totalmente na pessoa de Jesus (como fazem os evangélicos)?

      2) Você vê algum apóstolo ou evangelista falando em purgatório, assunção de Maria, imaculada conceição, missa de sétimo dia, culto aos mortos, celibato obrigatório, etc?

      3) Você vê algum apóstolo fazendo imagens de gesso, colocando essas imagens nas igrejas e se prostrando diante delas?

      4) Você vê algum apóstolo ou discípulo de Jesus incentivando o assassinato em nome da fé (Inquisição), pregando que os “hereges” devem ser combatidos à espada, inquiridos e torturados, e por fim enviados às fogueiras, tal como os imperadores anticristãos tirânicos faziam com os próprios cristãos? Ou em vez disso via eles pregando o amor e a tolerância?

      5) Você vê algum apóstolo dizendo as asneiras do padre Paulo, como por exemplo que ir direto a Deus é ser “orgulhoso”, e que por isso temos que passar primeiro por um panteão de santos para só depois a mensagem chegar a Deus pelas mãos dos santos?

      6) Você vê algum apóstolo dirigindo qualquer prece a um santo morto no Céu, em vez de orar direto a Deus?

      7) Você vê algum apóstolo ou crente piedoso nas Escrituras pedindo intercessão de alguma alma penada no Paraíso? Ou os pedidos de intercessão eram SEMPRE de uma pessoa viva por outra pessoa viva?

      8) Lendo os Atos dos Apóstolos, você consegue visualizar a cena da Igreja sendo governada por Pedro, sentado em um trono de ouro em Roma durante 25 anos, mandando em tudo e em todos, deixando todos os demais em completa subordinação?

      9) Você consegue ver no Novo Testamento algum indicativo da Igreja sendo governada pela Igreja de Roma, superior a todas as demais e com jurisdição universal sobre as igrejas de Éfeso, Tessalônica, Corinto, etc, governando sobre todas elas?

      10) Você consegue ver algum apóstolo proibindo que se confesse os pecados direto a Deus, e em vez disso obrigando que se passe necessariamente por um padre antes disso, para o padre decidir se vai perdoar ou não?

      Diferentemente dos papistas desesperados, eu não vou fazer a tua cabeça. Em vez disso, desafio que estude por si mesmo e chegue à verdade. Leia o Novo Testamento estudando a fundo essas questões, que você descobrirá a resposta (óbvia) a cada uma delas.

      Abs!

      Excluir
    3. É verdade que você vai ter um debate com o inquisição online?Se for quando será e que horas?

      Excluir
    4. Só para lembrar, as tradições no sentido que eles falam(coisas que os apóstolos ensinaram mas não escreveram) não possuem fundamento histórico(depois, a nossa análise é ahistórica).
      Já estive assim antes de saber disso, eu lhe enentendo.O condetismo(vem de conde, você sabe de quem eu tô falando) me assombrou, leia os pais da Igreja:http://www.newadvent.org/fathers/

      Excluir
    5. Sem contar que se você busca uma religião com fins políticos,sendo que é justamente isso que faz o Olavo com seus alunos, suas intenções são errôneas. Já ouvi alguns casos de pessoas se convertendo para o catolicismo, sendo que quando se perguntavam o por quê desta conversão, eles diziam que haviam se convertido graças ao Olavo. Ou seja, se "convertiam" com fins políticos. Estes motivos não podem ser vistos como motivos sinceros. Converter por que X pessoa representa o Conservadorismo ou o Esquerdismo? Ficam querendo moldar o cristianismo a uma certa ideologia política. Enfim, não cabe a minha pessoa falar o que você deve seguir,mas você precisa refletir sobre quais foram as reais intenções destes seus amigos terem se convertido a Icar. Seria a mesma coisa, e aqui me valendo de outro exemplo, alguém se converter a Igreja Ortodoxa por causa do Putin.

      Excluir
    6. "É verdade que você vai ter um debate com o inquisição online?Se for quando será e que horas?"

      Ainda não tem uma data marcada, seria há uns meses atrás mas ele teve problemas no trabalho, agora eu tenho trabalhos para entregar em duas faculdades e por isso em tese ficaria para o próximo mês apenas.

      "Sem contar que se você busca uma religião com fins políticos,sendo que é justamente isso que faz o Olavo com seus alunos, suas intenções são errôneas. Já ouvi alguns casos de pessoas se convertendo para o catolicismo, sendo que quando se perguntavam o por quê desta conversão, eles diziam que haviam se convertido graças ao Olavo. Ou seja, se "convertiam" com fins políticos. Estes motivos não podem ser vistos como motivos sinceros. Converter por que X pessoa representa o Conservadorismo ou o Esquerdismo? Ficam querendo moldar o cristianismo a uma certa ideologia política. Enfim, não cabe a minha pessoa falar o que você deve seguir,mas você precisa refletir sobre quais foram as reais intenções destes seus amigos terem se convertido a Icar. Seria a mesma coisa, e aqui me valendo de outro exemplo, alguém se converter a Igreja Ortodoxa por causa do Putin."

      É EXATAMENTE ESTE O PONTO. Você disse tudo. Para cada dez católicos que se tornam evangélicos (sempre por causa da Bíblia) há um evangélico se tornando católico, NUNCA por causa da Bíblia ou de razões teológicas/doutrinárias, e sim por questões puramente políticas que influenciam a cabeça dele, fazendo lavagem cerebral para fazer pensar que a cultura e história da Igreja Católica é maravilhosa e que o protestantismo é sinônimo de ateísmo e comunismo (mitos patéticos que seriam ridicularizados em qualquer outro país do mundo, mas que aqui tem aceitação de fanáticos olavetes que já abdicaram há muito tempo do direito de pensar por si mesmos). No fim das contas eles acabam adotando a teologia católica, não por terem refletido sobre cada doutrina à luz da Bíblia e decidido que estavam certas, mas sim porque são forçados a isso, uma vez que já aceitaram o catolicismo e então tem que aceitar o "pacote completo" sem qualquer senso crítico.

      Excluir
    7. Cara, eu sei que você fez a pergunta ao Lucas, mas me intrometendo educadamente, eu percebi que você está preocupado com qual religião seguir. Primeiramente, nenhuma. A religião é uma instituição humana e uma reunião de pessoas que pensam parecido. Ela tem seu valor, mas é secundária. Não devemos abandonar a igreja, e fazer como os desigrejados pedantes que afirmam que não precisam de uma. Precisam sim, até para serem mais humildes. Mas o que você deve fazer, isso todo o tempo, é buscar a Deus. Como? Lendo sua palavra (a Bíblia, que é o único documento que perpassou o tempo e, apesar do escrutínio severo realizado ao longo desse mesmo tempo, ainda nos mostra as palavras de Deus) e orando. O que importa é sua relação pessoal com Deus, e posteriormente o próprio Deus, através do Espírito Santo, irá te mostrar qual religião frequentar. Não se preocupe inicialmente em seguir o catolicismo ou o protestantismo. Busque a Deus arduamente e terá a sua resposta.

      Excluir
  16. Lucas,qual a diferença de igreja com i minúsculo e Igreja com I maiúsculo? pergunto pois em Mateus 16,18 na Bíblia ave Maria está escrito Igreja e na Bíblia Almeida Corrigida está escrita igreja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Igreja com i minúsculo designa uma comunidade cristã em particular (por exemplo, "igreja de Éfeso"). E com o i maiúsculo em tese seria a Igreja em si, isto é, a reunião de todos os cristãos em qualquer parte do mundo. No primeiro sentido nós podemos ser de igrejas diferentes, mas no segundo sentido nós fazemos parte da mesma Igreja, do mesmo corpo de Cristo.

      Excluir
  17. Lucas, o que você pensa sobre a Igreja Ortodoxa Russa e o Governo do Putin?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sobre a Igreja Ortodoxa, comentei aqui:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2015/09/semelhancas-e-diferencas-entre.html

      Sobre o governo do Putin, eu ainda não tenho um conceito totalmente firmado a respeito dele. Seria precipitação minha ir para um dos dois extremos (o de pró-Putin ou o de anti-Putin). O que posso dizer é que sou totalmente contra as medidas de censura e restrição da liberdade de pensamento que ele impõe na Rússia, assim como sou contra o Estado forte e contra a invasão na Ucrânia, mas por outro lado admiro ele enquanto líder político e estrategista inteligente que pouco se vê em nossa era, além de ser alguém que luta por princípios morais em grande parte abandonados no Ocidente e alguém que, no fundo, só quer a restauração da Rússia como potência mundial (o que pode ser ruim na perspectiva de pessoas de outros países como o Brasil, mas afinal de contas ele só está cumprindo o que prometeu ao seu próprio povo que o elegeu para essa finalidade).

      Excluir
    2. No que tange ao resgate dos valores morais eu apoio ele também. Estava vendo que a popularidade dele está em 80%. Não dá para negar que ele é um político influente na nossa geração.

      Excluir
    3. Sim, esse vídeo mostra claramente como ele é um líder inteligente que sabe pensar bem a situação em prol do seu país (ainda que seus métodos possam ser bastante discutíveis):

      https://www.youtube.com/watch?v=k1RzBpxM1cc

      Excluir
  18. Lucas, muito bom conteúdo. Mudando um pouco de assunto, tenho notado que uma das artimanhas de certos apologistas católicos é apontar o protestantismo como culpado pela secularização de certos países como Noruega, Suécia, Dinamarca, etc. Eles partem do princípio de que o princípio livre exame,a negação da tradição romanista são os responsáveis pela onda secular que assola a Europa. Como rebater tal argumento? De fato, o protestantismo é culpado de todo mal que assola a Europa ou isso é apenas mais uma fraude histórica e sociólogica?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, escrevi sobre isso nesses dois artigos:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2015/12/o-protestantismo-e-o-pai-do-comunismo-e.html

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2016/06/destruindo-todas-as-calunias-catolicas.html

      Abs!

      Excluir
  19. Lucas seu amigo Matheus carrel acabou de postar a foto de um livro católico no face dele.fui conferir o que ele postou e veja so que é verdade mesmo. olha o livro aqui pra ler de graça. leia a página 29 e 25 que o católico detona o catolicismo mas pelo que esotu lendo ele diz que inacio fala do primado da igreja de roma na pág 23. estranho né.

    https://books.google.com.br/books?id=_d0unSVjXpcC&pg=PA4&lpg=PA4&dq=os+papas+richard+mcbrien+editora+loyola&source=bl&ots=Pu-pyz9_BK&sig=oGDsLmlQL-3so4_jxPAQ-PX2G1E&hl=pt-BR&sa=X&ved=0ahUKEwib7Mav8azTAhWEIZAKHc-xBQoQ6AEIUjAI#v=onepage&q=os%20papas%20richard%20mcbrien%20editora%20loyola&f=false

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já conhecia esse livro e eu mesmo tinha feito citações dele aqui no blog há uns tempos atrás, não sei se foram as mesmas citações que o Matheus usou. O que ele diz sobre Inácio não prova o primado do bispo romano (até porque entraria em flagrante contradição com o que ele afirma ao longo de todo o livro), note que ele inicia dizendo que aquilo é "TRADICIONALMENTE CONSIDERADO" (i.e, pelos teólogos católicos, e não a opinião pessoal dele), e logo depois da citação introduz um "ENTRETANTO" e mostra a opinião contrária. Portanto ele não defende o primado universal do bispo romano nos primeiros séculos como os apologistas católicos entendem hoje e defendem, ele apenas mostrou os dois pontos de vista naquela página.

      Abs!

      Excluir
  20. Eu não abjurei da minha fé protestante, até que a Ortodoxia me fez deparar com uma contradição muito simples, óbvia e constrangedora. A contradição diz respeito tanto à Teologia Católica quanto à Reformada (Calvinista). A contradição calvinista foi herdada dos católicos por Agostinho, por isso ela diz respeito à Teologia de ambos.

    A contradição é essa: imagine um pai que, sabendo ser o seu filho inocente, culpa o seu próprio filho pelos erros que ele sabe ser do vizinho; embora o vizinho seja um pulha qualquer, que não tem nenhum grau de parentesco com o pai, nenhuma amizade e nenhuma intimidade com ele. O que uma pessoa normal diria desse pai se soubesse da história por um noticiário? Ela diria que esse pai é um psicopata. E se esse pai castigar o filho brutalmente (ou deixar que ele seja castigado) por causa do vizinho? Então, além de psicopata, diria que esse pai é um criminoso e que deveria perder a guarda do filho imediatamente. Mas e se o filho concordou com o abuso e até implorou por ele? Diria que o pai e o filho são dois malucos e que ambos deveriam ser submetidos à terapia compulsória. Qualquer tribunal humano, em condições de sanidade, concordaria em reprimir o pai dessa forma. Esse pai não é um pai normal.

    Mas os protestantes reformados e os católicos, ou seja, os cristãos ocidentais, dizem que Deus é esse tipo de pai em relação a Cristo. Só que entre o que eles crêem e o que eles admitiriam praticar com os seus próprios filhos, há um abismo intransponível. Pois eles nunca sacrificariam um filho inocente por um pecador culpado, sabendo que um é inocente e o outro é um pecador contumaz. Dessa forma, eles negam com as suas ações paternais (corretamente) misericordiosas que Deus é pai. Essa é a contradição que a Ortodoxia me apresentou, de uma forma simples e direta. Não tendo nada mais a dizer ou a pensar, me rendi à Ortodoxia, e deixei a segurança da predestinação calvinista de lado por reconhecer que ela está obviamente equivocada. E com isso, considerei ainda mais impossível a fé católica. A fé católica é agostiniana, vem de Agostinho essa estranha história. Os protestantes também beberam de Agostinho. Daí que os protestantes e os católicos estão de mãos dadas num mesmo erro gravíssimo, por mais paradoxal que isso pareça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não quero polemizar a este respeito, apenas fazer um adendo: eu não sou calvinista e nem "agostiniano", e nem por isso me considero menos protestante em função disso.

      Excluir
    2. Cara, não entendi o que você quis dizer. O protestantismo não é calvinismo e o catolicismo não é agostiniano. Além disso, o seu exemplo só demonstra o amor de Deus, por que é claro que isso, se fosse humano, seria bizarro, mas como é divino, é o plano de Deus para nossa salvação. Este filho era único, pois ele era capaz de salvar o mundo.

      Excluir
    3. “De fato, no devido tempo, quando ainda éramos fracos, Cristo morreu pelos ímpios. Dificilmente haverá alguém que morra por um justo; pelo homem bom talvez alguém tenha coragem de morrer. Mas Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores” (Romanos 5:6-8)

      Excluir
    4. Há protestantes radicais, de linhagem teonomista, que dizem que os evangélicos arminianos são hereges. Eu era assim, radical. Radicais há de todos os lados.

      Cristo morreu pelos ímpios, é verdade. Para que os justos e injustos experimentassem a Ressurreição, como Ele. Mas não assumiu a culpa do pecado alheio, porque a Bíblia também diz que o Senhor não toma o inocente por culpado.

      O ponto é que a Doutrina da Substituição Penal resulta na contradição de nenhum pai humano ter a coragem de fazer o que Deus supostamente teria feito com o próprio Filho. Daí que os pais crentes negam com as suas ações que Deus é pai. Para mim, ter percebido que essa Doutrina é insuportável para todos os que a ela aderem (católicos e protestantes), foi a gota d'água para eu sair.

      Excluir
    5. Eu amo meus filhos, são, junto com meus pais e irmãos de sangue, as pessoas que mais amo nesse mundo. Tento me esforçar ao máximo para dar-lhes uma criação digna e cheia de amor. Mas se a morte de meu filho fosse capaz de salvar o mundo, eu o daria à morte. Duro prá mim é olhar Abraão, que deveria matar o filho da promessa e não causaria mudança nenhuma no mundo.E foi fiel.

      Excluir
  21. Lucas, vc poderia me ajudar?
    Conversando com um católico ele me disse :
    Jesus disse ao Apóstolos” Tudo que ligardes na terra será ligado nos céus e tudo que desligardes na terra será desligado do céu. O que a Igreja faz, mesmo não estando não está na Bíblia é ligar ao céu. Será que esta frase de Jesus era somente aos Apóstolos, ou não teria que haver uma sucessão depois deles?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu comento sobre o "ligar e desligar" na parte final deste artigo:

      http://apologiacrista.com/tu-es-pedro-a-minha-igreja

      Em síntese, naquele contexto Jesus estava fazendo menção à oração, e não tem nada a ver com um suposto poder que os apóstolos teriam de mudar as coisas que estão na Bíblia e contrariar a Palavra de Deus. A Bíblia reflete os ensinamentos de Jesus, e os apóstolos ou seus "sucessores" não eram maiores que Jesus para mudar os seus ensinamentos. Devemos ressaltar que quase tudo o que Jesus disse na Bíblia ele disse aos apóstolos, mas os teólogos de todas as vertentes religiosas do mundo sempre aplicaram aos cristãos como um todo, e não limitado apenas aos doze, muito menos aos seus supostos "sucessores". E mesmo que este fosse o caso, surgem as perguntas:

      1) A qual linha de sucessão deveríamos seguir? A da Igreja Romana ou a da Igreja Ortodoxa? Porque pregam doutrinas diferentes (em várias questões).

      2) A qual linha de sucessão DE PEDRO deveríamos seguir? Porque Pedro foi o primeiro bispo de Roma para os romanos e o primeiro bispo de Antioquia para os ortodoxos. Mas hoje os romanos e os ortodoxos da igreja de Antioquia ensinam muitas coisas diferentes.

      Só por essas questões já dá pra perceber um pouco do tamanho do problema, problema este que a apologética católica nunca resolveu e nem pode resolver, porque tudo o que ela tem são soluções mágicas e fáceis, fruto de uma verdadeira preguiça intelectual.

      Excluir
  22. a Igreja age também através do Espírito Santo no decorrer dos séculos. O próprio Jesus prometeu isso aos Apóstolos e a sua Igreja.
    "Ligar e desligar". Se não fosse assim Cristo mandaria seguir apenas a Bíblia, que ainda nem tinha sido concluída, "Ele não daria este poder de ligar e desligar".
    todos os dogmas que a Igreja definiu dentro da Bíblia ou fora dela, é obra do Espírito Santo. Jesus não poderia estar brincando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Respondi acima (ao seu outro comentário com o mesmo conteúdo).

      Excluir
  23. Ou seja, o que o FIEL diz é que a Igreja poderia moldar X doutrina de acordo com os interesses dela, se baseando supostamente na inspiração do Espirito Santo.Isso para mim está mais para um critério subjetivo,ou seja, de acordo com o que a liderança pensa sobre determinado assunto(visões pessoais). Resumo:O parâmetro para se aprovar uma doutrina a Icar, seria a vontade da liderança da mesma,sem um padrão,já que eles alegariam que foram inspirados pelo Espirito Santo para aprovar X doutrina,sem ao menos conseguir provar que realmente foi dado legalidade pelo mesmo ou se não foi eles mesmos que quiseram isso. Isso é muito perigoso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato. Pra eles qualquer coisa que o papa defina como doutrina é verdadeiro, pelo simples fato de que o papa disse que é verdadeiro. É o velho e rotineiro argumento circular de sempre: a Igreja Romana é a verdadeira, porque a Igreja Romana alega que ela mesma é verdadeira. Eles não tem sequer um único argumento decente (que não seja circular, falacioso ou autorefutante) em favor da legitimidade e exclusividade da Igreja deles.

      Excluir
    2. Vi um estudo da Igreja Ortodoxa, que dizia que pelo fato da Icar colocar a tradição acima da Bíblia,a doutrina deles seriam "progressistas", ou seja, ela pode ser acrescentada quando eles bem entenderem.

      Excluir
    3. É assim mesmo. A doutrina católica não é uma unidade atemporal, ela está sempre mudando dependendo da conveniência e das tendências de cada tempo, e nunca se sabe quando vai surgir algo novo de novo. Só que para os católicos isso é algo ótimo, chamado "desenvolvimento da doutrina", ou seja, eles estão "desenvolvendo" aquilo que os apóstolos não conheciam direito, porque afinal de contas são muito superiores aos apóstolos.

      Excluir
    4. Não existe consenso nisso entre católicos, mas nunca vi em debate sobre esse tema entre eles.

      Já li muitos artigos do grupo Montfort (o mais lido pelos tradicionalistas) e são bem são fundamentalistas. Acreditam piamente, por exemplo, que Jesus nasceu mesmo no 25 de dezembro e acreditam que todas as doutrinas que defendem hj, eram defendidas de forma idêntica pelos apóstolos.

      Excluir
  24. Lucas e o que achas da obra de São Tomás de Aquino?Sempre vejo apologistas católicos como Olavo de Carvalho e o pessoal do canal do Youtube Terça Livre o citando,eu sei que foi um teólogo católico que defendia a Mariolatria e o culto aos santos,mas ao menos pode se extrair algo positivo dele?Vale a pena a leitura?Eu nunca li nenhum livro dele

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que dá pra se extrair de útil das obras dele são, basicamente, os argumentos filosóficos para a existência de Deus (os quais foram melhor desenvolvidos mais tarde). No mais, ele defende Cruzadas, Inquisição, escravidão e etc. Não vale a pena o tempo perdido.

      Excluir

  25. "A Bíblia foi escrita por católicos e para católicos?"

    What?

    Moisés era católico? Josué era católico?

    Esdras era católico? E Davi? Vai me dizer que Malaquias também era catolico?

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado após passar pela moderação. Ofensas, deboches, divulgação de páginas católicas (links), control c + control v e manifestações de fanatismo não serão aceitos. Todos os tipos de perguntas educadas são bem-vindas e serão respondidas cordialmente. Caso o seu comentário ainda não tenha sido liberado dentro de 24h, é possível que ele não tenha chegado à moderação, e neste caso reenvie o comment.