15 de setembro de 2012

A Igreja Católica é uma seita?


Sim, é claro que é. Porém, isso não significa necessariamente que todos os católicos não são cristãos. Existem católicos muito diferentes entre si: uns são mais marianos fanáticos e devotos, outros são ferrenhamente anti-protestantes e os consideram como uma sub-raça que deve ser exterminada a qualquer custo em uma espécie de 4º Reich, enquanto outros são mais liberais, carismáticos e ecunêmicos. 

Portanto, embora as doutrinas da Igreja Católica a classifiquem obviamente como sendo uma seita das mais perigosas, isso não significa necessariamente que todos os católicos são hereges ou que vão queimar no fogo do inferno. Porém, é fato que a dificuldade de um membro de uma seita herdar o Reino dos Céus é muito maior do que o de alguém que faz parte da verdadeira Igreja (Corpo) de Cristo, guardando os Seus mandamentos e ordenanças. 

Antes de tudo, creio que seja importante que eu mencione quais são especificamente os fatores que podem classificar uma determinada Igreja como sendo seita ou cristã. Há algumas pessoas que dizem que, se uma determinada igreja segue o Credo Apostólico, isso significa que ela é necessariamente cristã. Porém, eu não concordo com isso, por duas razões básicas: 

A nossa única regra de fé é a Sagrada Escritura, e não o Credo Apostólico, embora nós, evangélicos, respeitamos o Credo e o seguimos. 

Se o Credo Apostólico é o único meio pelo qual podemos determinar se uma determinada igreja é uma seita ou se é de Deus, então devemos considerar as testemunhas de Jeová, os mórmons, os católicos, e inúmeras outras religiões dentro do Cristianismo como sendo genuinamente “cristãs”. 

Portanto, creio eu que o que realmente determina se uma igreja é uma seita ou não, não é tão simples assim como consultar o Credo Apostólico, mas provém de uma análise mais cuidadosa e criteriosa nos fatores que podem influenciar ou determinar na salvação ou perdição de uma alma. No caso do catolicismo, nós podemos apontar: 


Idolatria 

Para não deixar que este termo soe vago demais, eu defino “idolatria” a prática de se prostrar diante de imagens e cultuá-las. É evidente que idolatria vai muito além disso. Podemos idolatrar atores de televisão, jogadores de futebol, esposa, celebridades, dinheiro, e até mesmo pastores e padres.  

Porém, irei tratar da idolatria a imagens por ser a única que se evidencia de forma clara e categórica com atos (ações) proibidos pela Bíblia e praticados pelos católicos. Por exemplo, nenhuma igreja prega a idolatria a celebridades ou ao pastor, mas a Igreja Católica prega que se deve prostrar e cultuar as imagens dos santos. Temos aqui, portanto, não um caso excepcional, mas uma regra. E Deus diz claramente que a ordem de não se fazer imagens é exatamente com o propósito de que não se prostrassem diante delas: 

“Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te prostrarás diante deles nem lhes prestarás culto; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam”(Êxodo 20:4-5)  

Portanto, a proibição acerca das imagens que a Bíblia classifica como sendo um ato idólatra não é da imagem em si mesma, mas daquilo que se pratica diante da imagem: se prostrar diante dela e lhe prestar culto. Está aí uma definição bíblica evidente daquilo que é idolatria, e que é praticada por grande parte dos católicos. Portanto, uma igreja que incentiva atos idólatras (como cultuar imagens, orar aos mortos e se curvar diante de imagens) é uma seita, isto é, uma igreja falsa, prostituída.  


Condução ao pecado 

Porém, não é somente a idolatria que evidencia que uma determinada igreja é uma seita. Existem outras doutrinas que, embora a crença nelas não seja em si mesmo um pecado que gere morte (embora seja uma heresia), pode por sua vez gerar como consequência atos de pecados que geram a morte. Estou falando, por exemplo, da doutrina católica romana no purgatório. A Igreja Católica diz que o purgatório serve para purificar os pecados “menores” que são praticados em vida e que não passaram por arrependimento. 

Desta forma, muitas pessoas pensam que podem pecar “um pouquinho” a vontade (e acabam pecando muito por causa disso), que no final das contas o purgatório dá um jeito nisso. Acham que somente os assassinos, estupradores de criancinhas e pedófilos que vão para o inferno, e, por não se verem como sendo “tão maus”, acabam pensando que podem alcançar o Céu com todos os seus pecados de estimação, junto a todos os seus vícios, pois o purgatório faria aquilo que um arrependimento sincero não fez na vida dessa pessoa. 

Ou seja: embora a crença no purgatório não seja em si mesmo um fator determinante para mandar alguém para o inferno apenas por causa disso, ela muitas vezes pode ser a causa de uma vida mais desleixada, pois o purgatório anula a necessidade do arrependimento dos pecados menores, que já são pecados, e que por sua vez podem gerar pecados cada vez maiores.  

Os exemplos vão aos montões. Se, por exemplo, um católico crê na infalibilidade papal, ele consequentemente vai crer em tudo aquilo que o papa fala em ex cathedra, até mesmo se pregar a pior das heresias; afinal, ele é “infalível”! Sendo assim, acabam por aceitar facilmente e em total submissão inovações à doutrina evangélica presente nas Escrituras, e muitas dessas inovações podem sim conduzir à morte. 

A crença na confissão para o padre, tendo em vista o seu uso no meio católico, é outro fator que muitas vezes serve mais de estímulo para o pecado do que de algo que pode barrá-lo. Muitas pessoas vão para a “farra” e pecam à vontade no carnaval, fazem sexo descompromissadamente e são promíscuos, mas pensam que porque numa “Quarta-Feira de cinzas” um padre falou que está tudo perdoado, então está tudo numa boa, e estão prontas pra próxima!  

Depois, para demonstrar ainda mais como que não houve absolutamente nada de arrependimento, no ano seguinte voltam a praticar a mesma coisa. E no outro ano de novo. E de novo. E de novo. Desta forma, a crença de que a palavra do padre tira literalmente os pecados acaba servindo, por vezes, de pretexto para pecar sem peso na consciência. Afinal, não faria qualquer diferença pecar deliberadamente e depois confessar pro padre, em lugar de não pecar. 

Em resumo, temos muitas doutrinas católicas que em si mesmo conduzem pessoas ao inferno, como é o caso da idolatria às imagens, que tira a glória de Deus, pois Ele afirmou que “não darei a outro a minha glória nem a imagens o meu louvor” (Is.42:8), e temos várias outras heresias menores que podem acabar conduzindo uma alma cada vez mais próxima da morte.  

Por isso, sim, a Igreja Católica é uma seita. Mas não devemos generalizar em absoluto e dizermos que é impossível que um católico se salve. Embora diante de tantas heresias seja difícil alguém se salvar no meio disso tudo, é possível existir um católico que não se prostre diante de imagens, que é devoto de Jesus e não de defuntos, e que não usa a crença no purgatório ou em qualquer outra heresia católica como um pretexto para o pecado, nem mesmo no sub-consciente. 

Nestes casos, um católico pode até mesmo conhecer Jesus, mas não seria um “católico” propriamente dito (i.e, alguém que segue à risca todas as doutrinas e imposições da Igreja de Roma), mas sim alguém que se diz “católico”, mas que na prática é muito diferente disso.  

Algumas outras igrejas cometem menos heresias que o catolicismo, como é o caso da Igreja Ortodoxa. Os ortodoxos salvam-se da idolatria por não aceitarem imagens de escultura nos templos, mas apenas ícones. Consequentemente, eles não se prostram diante de imagens. Também não creem no purgatório e em alguns dogmas marianos, que por sua vez servem apenas para glorificar a pessoa de Maria a um patamar acima do devido, gerando consequentemente mais idolatria, e descentralizando a pessoa de Cristo. Com isso, não digo que os ortodoxos não cometem heresias, mas sim que a sua possibilidade de salvação é maior que a dos romanos.  

Os adventistas formam outro grupo que eu não considero seita, mas os classifico como cristãos em pé de igualdade com qualquer um de nós, pois não possuem qualquer doutrina que leve alguém ao inferno pelo fato de crer nela. Por exemplo, guardar o sábado não vai condenar ninguém. Paulo diz “aquele que considera um dia como especial, para o Senhor assim o faz” (Rm.14:6). Portanto, não os podemos julgar como “hereges” ou como “seita” por causa disso, de jeito nenhum.  

O caso das testemunhas de Jeová é mais complicado, pois eles explicitamente negam a divindade de Cristo. Consequentemente, negam adoração à Cristo, e, negando adoração a Deus, caem em grande pecado. Portanto, podem ser classificados como seita.  

As igrejas evangélicas também não escapam em absoluto de heresias, porém, salvam-se pelo fato de que possuem divergências menores uma das outras. Algumas igrejas pregam a crença antibíblica da graça irresistível, mas não penso que isso por si só já seja o suficiente para condenar alguém ao inferno, ou que possa influenciar nisso.  

O calvinismo mais radical complica mais a situação, ao afirmar que “uma vez salvo, pra sempre salvo”. Já houve pastores pregando em cima disso que no arrebatamento da Igreja haverá pessoas sendo salvas nos bares, nos motéis, nas casas de prostituição... porque uma vez foram salvas, então não importa o que é praticado dali em diante. Sei que nem todos os calvinistas pensam deste jeito, mas os que pensam, ensinam e praticam tais coisas incorrem em grande pecado digno de perda de salvação.  

Algumas igrejas evangélicas ensinam algumas outras doutrinas errôneas, como é o caso da teologia da prosperidade, que invade as igrejas neo-pentecostais. Porém, embora a teologia da prosperidade seja uma grande engano, não creio que ela por si só leve alguém ao inferno. É possível alguém crer que Deus faz próspero quem crê nele, e mesmo assim não colocar a sua confiança no dinheiro, mas em Deus. Porém, se alguém usa essa teologia para colocar a sua fé e confiança no dinheiro, incorre em pecado também digno de perdição.  

Portanto, quanto maior forem as heresias e maior for a gravidade delas, mais serão as chances de uma igreja ser denominada de “seita”. Heresias existem em todos os lugares – nas igrejas católicas, evangélicas, ortodoxas, espíritas. Porém, temos que analisar a fundo a gravidade e quantidade dessas heresias para determinar se uma religião ou igreja é seita ou é cristã.  

Existem dois extremos perigosos aqui: o primeiro é daqueles que se perderam pelo orgulho e egoísmo, e se dizem os “únicos defensores do verdadeiro evangelho”, que são extremamente intolerantes e que taxam todos os outros que pensam diferente deles de “hereges”. Ao invés de examinarem as suas próprias crenças a fim de reconsiderá-las, preferem excluir da comunhão o irmão.  

É contra estes intolerantes e rebeldes que Paulo dedica o capítulo 14 de Romanos, quando alguns irmãos vegetarianos e guardadores de dias estavam sendo discriminados por outros irmãos que achavam errado tais coisas e, consequentemente, não os consideravam cristãos. É por culpa desses indivíduos que existem tantas igrejas e tanta divisão.  

E o outro extremo são daqueles extremamente ecunêmicos, que pregam que “todos os caminhos levam a Deus” e que “todas as religiões são boas”. Tais pessoas anulam completamente a obra salvífica de Cristo na cruz do Calvário, pois, se todos os caminhos levam a Deus, segue-se que Cristo morreu em vão. Seria mais fácil ele ficar lá no Céu do mesmo jeito que estava, e que as pessoas aqui da terra escolhessem a religião mais fácil de se seguir, ao invés de descer dos céus, se fazer humano, sofrer, chorar, ser crucificado, morto, e ensinar que é preciso negar a si mesmo e tomar a sua própria cruz se quisermos ser salvos.  

Além disso, significa relativizar a doutrina e excluir o conceito de “heresia” do Cristianismo. Se todas as religiões são boas e levam a Deus, então o conceito de “seita” e “heresia” se perde. Que importa se Cristo é Deus ou meramente uma criatura? De qualquer forma, dá no mesmo, afinal, todos os caminhos são bons e levam a Deus! Este é o pensamento extremista do outro lado, que faz com que muitas pessoas fiquem acomodadas à sua própria igreja ou religião, sem se preocuparem em descobrir a verdade, pois pensam que a verdade pouco importa, ou que seja relativa.  

Excluindo estes dois extremos e ficando no ponto de equilíbrio, podemos sim classificar determinada igreja de “seita”, quando se tem doutrinas perigosas que conduzem pessoas à perdição da idolatria ou à prisão do pecado, o que não significa que a totalidade dos membros dessa igreja é necessariamente do diabo, pois até mesmo de lá Deus pode tocar no coração de alguém para mudar de vida. Lutero era um monge católico e se tornou o Reformador da Igreja.  

Portanto, sim, a Igreja Católica é uma seita (se não fosse, este blog seria inútil, pois estaria desperdiçando o meu tempo quando poderia estar refutando alguma seita de verdade), e suas heresias devem ser combatidas; porém, diferentemente do que muitos andam fazendo do outro lado, eu não combato os católicos, mas o catolicismo, em especial as suas heresias. Pois sei que mesmo neste meio pode existir povo de Deus, podem existir futuros “reformadores”, futuras pessoas que vão fazer brilhar a luz de Cristo para as nações, ensinando o verdadeiro evangelho.  

É por isso que neste blog eu me recuso a usar o termo “herege” para se referir a todos os católicos de forma geral (embora saiba que os católicos fazem isso constantemente em seus blogs e sites “apologéticos” contra os evangélicos), porque isso seria uma generalização descabida, fruto de uma mente infantil que teima em se centralizar nas pessoas, ao invés de se preocupar com aquilo que realmente importa: as heresias que corrompem as pessoas. 

Paz a todos vocês que estão em Cristo. 

Por Cristo e por Seu Reino,
Lucas Banzoli (apologiacrista.com)


-Meus livros:

-Veja uma lista completa de livros meus clicando aqui.

- Acesse o meu canal no YouTube clicando aqui.


-Não deixe de acessar meus outros sites:
Apologia Cristã (Artigos de apologética cristã sobre doutrina e moral)
O Cristianismo em Foco (Reflexões cristãs e estudos bíblicos)
Estudando Escatologia (Estudos sobre o Apocalipse)
Desvendando a Lenda (Refutando a Imortalidade da Alma)
Ateísmo Refutado (Evidências da existência de Deus e veracidade da Bíblia)

76 comentários:

  1. Primeiro, eu fico aqui comigo pensando, como é que um protestante pode falar que a Igreja católica é uma seita. Rsrsrs é muito engraçado, para não dizer contraditório afirmar algo assim.
    Sim.
    Segundo – O protestantismo nada mais é do que uma seita que surgiu de dentro da Igreja, rompendo com um evangelho que a 1500 anos estava sendo pregado.
    Terceiro – A base da fé dos protestantes é a livre interpretação da bíblia, vcs são tão irracionais que nem percebem que se a Igreja quisesse, ela teria, durante os 1500 anos que foi portadora exclusiva da bíblia, corrompido a bíblia todinha.
    Depois alguém dizer que “existem católicos diferentes” é antes de tudo uma falta de conhecimento da própria doutrina católica, que é una. Toda pessoa que discorda de um artigo de fé, se quer que a Igreja declara como sendo doutrina, não é católico. Sendo assim, somos um corpo, temos a mesma fé.
    Quarto, o conceito de Igreja que vcs protestantes tem é totalmente deturpado e anti bíblico. A Igreja é necessária para a salvação dos homens. Sem a Igreja não há salvação.
    Ai os protestantes são tão sem noção, que chegam a blasfemar dizendo que a única regra de fé são as escrituras....primeiro, mostre-me esta heresia nas escrituras!
    Quinto, quem fez este texto, parece que nem sabe pensar. Se soubesse não teriam dito que os testemunhas de Jeová seguem o credo apostólico....vamos refletir!
    Me desculpem, mas no meu ver o protestantismo não passa do instrumento do demônio para conduzir o homem para a heresia! O demônio se usa deste instrumento infernal e quando acha que já fez muito estrago, joga ele fora e passa a usar de instrumentos mais brutais e mais apóstatas ainda, como por exemplo o comunismo!
    O comunismo e todas as revoluções nada mais são que o fruto podre que nos herdou o maldito protestantismo, que é revolucionário.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Geralmente eu não dou a mínima atenção para comentários tão idiotas como esse, vindos de gente tão ignorante, mas, como eu não tenho muita coisa a fazer neste momento, vou abrir uma exceção e responder as idiotices deste cidadão:

      Primeiro, que a Igreja Católica não estava pregando evangelho nenhum, não passa de uma igreja corrompida, apóstata, prostituída, decaída no pecado, na idolatria, na imoralidade, na heresia, com vendas de indulgências [pagar $ para receber a salvação], com a inquisição [matar, torturar ou queimar na fogueira os “hereges”], com cruzadas [mais banho de sangue do qual os protestantes não participaram, apenas os católicos], e, principalmente, com um falso ensino que tirou o foco Cristocêntrico do evangelho e passou a focar-se mais em Maria e nos santos, que passou a cultuar criaturas no lugar do Criador, que passou a se desviar do evangelho puro e simples dedicado exclusivamente a um homem, que é Cristo.

      O evangelho que antes tinha um só Senhor, Jesus Cristo, passou a ter vários “senhores” e várias “senhoras” também, tirando o foco Cristocêntrico do evangelho (note que nas epístolas apostólicas não há sequer a menção do nome de Maria mãe de Jesus, pois ela não tem a menor relevância em aspecto doutrinário na fé cristã). O catolicismo romano nada mais é senão o mais puro sincretismo com as religiões pagãs politeístas do Império Romano, que tinha um “deus padroeiro” para cada cidade e cada um com atribuições diferentes dos demais. Quando o Cristianismo passou a se tornar a religião oficial do Império, os pagãos transformaram os “deuses” deles em “santos padroeiros”, com as mesmas imagens e as mesmas designações de cada um, alterando-se apenas o nome.

      Ou seja: vocês são idólatras, pagãos, hereges, são piores do que o paganismo romano pré-Constantino, pois somente adaptaram todo o paganismo romano à fé cristã, e a Igreja de Roma deixou tudo isso acontecer debaixo do seu nariz. É por isso que você, caro Anônimo, se dobra diante de imagens de pau e de pedra, IGUALZINHO OS PAGÃOS faziam. É por isso que você, caro Anônimo, reza a imagens e as cultua, IGUALZINHO OS PAGÃOS FAZIAM. É por isso que a sua igreja apóstata, caro Anônimo, está repleta de imagens de “santos” por todos os cantos, IGUALZINHO OS TEMPLOS PAGÃOS ERAM.

      Sabe por que, caro Anônimo? Porque você e a sua igreja decaída não passam de pagãos disfarçados de cristãos.

      Não, Deus não deixou que a Bíblia fosse corrompida porque Ele é Deus e pode todas as coisas, mas não faltou incentivo da parte da Igreja Católica Romana no que diz respeito à perseguição a Bíblia, pois reprimia a leitura desta pelos leigos, para que não lessem e não descobrissem a verdade. Veja só como era linda a forma que a sua igreja tratava a Bíblia:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2012/08/como-igreja-catolica-tratava-biblia.html

      Foi só depois da Reforma Protestante, quando os reformadores passaram a dedicar longo tempo traduzindo as Escrituras na língua vernácula para colocar a disposição do povo leigo (sendo que o próprio Lutero foi responsável por traduzir as Escrituras para a sua própria língua, o alemão), que o povo começou a ler a Bíblia, e de lá para cá apenas cai o número de católicos neste planeta, pois com a Reforma O POVO PASSOU A LER A BÍBLIA E DEIXOU DE SER IGNORANTE COMO VOCÊ, e sem tocar o terror com o medo da tortura da inquisição, a Igreja Romana não tem conseguido controlar tão tamanho decréscimo de fieis no mundo todo. Em 2020 o Brasil terá maioria evangélica. Graças a Deus que existe a Bíblia!

      Excluir
    2. Vocês não são unos porcaria nenhuma, são desunidos, são unos somente pela heresia, mas são desunidos entre si até nisso. Católicos tradicionais têm guerrinhas com católicos carismáticos; católicos romanos têm sérios problemas com católicos ortodoxos (orientais). Se o que ocorreu em 1054 d.C não foi uma DIVISÃO, então eu não sei mais o que é! Ou você vai me dizer que é tão ignorante ao ponto de não saber do CISMA de 1054 d.C, que separou a Igreja em DUAS PARTES? Se isso não se chama DIVISÃO, então o que é?

      Sobre você ser um pobre coitado adorador de igreja, isso é um problema seu, se você quer ser adorador de igreja então vai se tratar ao invés de ficar debatendo comigo e escrevendo estes comentários tolos em meu blog. Pra mim, o meu ÚNICO e SUFICIENTE salvador chama-se JESUS CRISTO, e ninguém (nenhuma igreja) pode salvar qualquer pessoa a não ser este Jesus, o Salvador do mundo:

      “E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos” (Atos 4:12)

      Você diz que sem igreja não há salvação; eu digo que sem JESUS não há salvação. Você não passa de um pobre adorador de igreja; eu adoro o REI DOS REIS E SENHOR DOS SENHORES, Jesus Cristo, o Justo.

      Para terminar, você ainda vem me falar sobre comunismo... meu filho, vá aprender a formular argumentos viu, você começa falando sobre Bíblia, depois fala sobre unidade, depois sobre você ser adorador de igreja, e termina falando sobre comunismo... olha até que nível que esse pobre ignorante chegou, alguma vez você me viu pregando algo a favor do comunismo meu filho? Vai se tratar, nenhum protestante é adepto do comunismo, nenhum credo protestante ou da Reforma pregou a favor do comunismo, deixe os seus delírios de lado e vá aprender a formular um argumento decente da próxima vez, pois na próxima não terei tanta paciência em perder meu tempo respondendo a semi-analfabetos.

      Deus te cuide e te liberte.

      Por Cristo e por Seu Reino,
      Lucas Banzoli.

      Excluir
    3. Lucas, que bom que vc abriu um excessão para mim.
      Obrigado, fico grato.
      Pois bem se para vc a Igreja católica se deixou levar pelo espírito do mundo, vc só pode culpar a uma pessoa. Sim, culpe ao Espírito Santo, afinal, foi Ele quem ficou encarregado de guiar a Igreja enquanto Jesus não volta....a culpa é d'Ele, afinal, segundo vcs, ele é um incompetente.
      Agora um protestante vir a mim falar de cruzada, inquisição, etc é uma falta de vergonha na cara. Primeiro, a Igreja não fez nada diferente do que a bíblia mandou fazer...segundo, caso vc seja mal informado, os protestantes derramaram muito mais sangue do que os católicos, procure no google, o pai dos burros, um episódio chamado revolta protestante, e vc verá que 70 mil camponeses foram mortos, em um só dia, pelos tão solidários protestantes. Se enxerga...

      Sobre Maria e os Santos, é dificil explicar isso aos protestantes, sim pois vcs são desviados e desunidos...nós, que fazemos parte de um único e verdadeiro corpo, não temos problema em dar glórias aos santos e a Maria, mãe de Deus. Jesus tambem não tem este problema.

      Agora meu querido, os protestantes, por serem soberbos, filhos do pai da soberba, acham que ser grande é andar aparecendo..não sabem eles que Davi, Moises, Abraão, muito aparecem na bíblia, mas são inferiores a um homem, humilde, que falou poucas palavras, que quase não aparece na bíblia, vc sabe quem é?

      Dizer que Maria não tem um papel primordial na doutrina cristã, é ignorar o caminho de salvação.

      Agora amigo, se vc acha que o Catolicismo é sincretista, vc vai ter que condenar o apóstolo Paulo, afinal ele foi o primeiro sincretista..eu prefiro dizer que o catolicismo cristianiza o paganismo, mas quem sabe é vc.

      Sim, eu me prosto diante de uma imagem de madeira sim, por que não o faria? Se eu tenho exemplos bíblicos de pessoas que, assim como eu, o faziam? Depois eu não me considero idólatra, pois não tenho idolos, eu creio que vc nem sabe o que é um idolo....eu tenho sim ICONES que me levam a Deus, que são caminhos, ao verdadeiro Caminho, que é Jesus.




      Excluir
    4. Que bom, a margarida voltou! Mas os argumentos são os mesmos ridículos de sempre, você só faz a sua seita católica passar mais vergonha pagando esse mico aqui. Você, se pretende um dia se tornar um apologista de verdade, terá que colocar na cabeça algumas coisas:

      Primeiro, que a Igreja não é, nem nunca foi, uma INSTITUIÇÃO RELIGIOSA, como a Igreja Católica Romana é. Você é tão ignorante que não sabe até hoje que a Igreja vem do grego “ekklesia”, que significa:

      1577 εκκλησια ekklesia
      de um composto de 1537 e um derivado de 2564; TDNT - 3:501,394; n f
      1) reunião de cidadãos chamados para fora de seus lares para algum lugar público,
      assembléia
      1a) assembléia do povo reunida em lugar público com o fim de deliberar
      1b) assembléia dos israelitas
      1c) qualquer ajuntamento ou multidão de homens reunidos por acaso, tumultuosamente
      1d) num sentido cristão
      1d1) assembléia de Cristãos reunidos para adorar em um encontro religioso
      1d2) grupo de cristãos, ou daqueles que, na esperança da salvação eterna em Jesus Cristo,
      observam seus próprios ritos religiosos, mantêm seus próprios encontros espirituais, e
      administram seus próprios assuntos, de acordo com os regulamentos prescritos para o
      corpo por amor à ordem
      1d3) aqueles que em qualquer lugar, numa cidade, vila, etc, constituem um grupo e estão
      unidos em um só corpo
      1d4) totalidade dos cristãos dispersos por todo o mundo

      Note, caro amigo católico ignorante e iletrado, que o significado de EKKLESIA não é, nem em sentido secundário, uma INSTITUIÇÃO religiosa, seja com sede em Roma ou em qualquer outro lugar. Ekklesia é a reunião de todos os verdadeiros cristãos dispersos pelas mais diversas partes do mundo, e não uma instituição romana que se diz “cristã”. Instituições religiosas podem falhar, errar e até se desviar, como Deus diz à Igreja de Laodiceia:

      “E ao anjo da igreja que está em Laodiceia escreve: Isto diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus: Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca. Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu; aconselho-te que de mim compres ouro provado no fogo, para que te enriqueças; e roupas brancas, para que te vistas, e não apareça a vergonha da tua nudez; e que unjas os teus olhos com colírio, para que vejas” (Apocalipse 3:14-18)

      A Igreja de Laodiceia era uma igreja local caída no pecado e desviada da fé, assim como a Igreja de Roma é hoje. Foi por isso que Paulo disse aos romanos que eles poderiam ser CORTADOS DA FÉ:

      “Se alguns dos ramos foram cortados, e se tu, oliveira selvagem, foste enxertada em seu lugar e agora recebes seiva da raiz da oliveira, não te envaideças nem menosprezes os ramos. Pois, se te gloriares, sabe que não és tu que sustentas a raiz, mas a raiz a ti. Dirás, talvez: Os ramos foram cortados para que eu fosse enxertada. Está certo. Eles, porém, foram cortados devido à incredulidade, e você permanece pela fé. NÃO SE ORGULHE, MAS TEMA. POIS SE DEUS NÃO POUPOU OS RAMOS NATURAIS, TAMBÉM NÃO POUPARÁ VOCÊ. Considera, pois, a bondade e a severidade de Deus: severidade para com aqueles que caíram, bondade para contigo, desde que permaneça na bondade dele. De outra forma, você TAMBÉM SERÁ CORTADO” (Romanos 11:17-22)

      Excluir
    5. Paulo disse AOS ROMANOS que eles também seriam cortados e que poderiam apostatar, que não eram eles quem sustentavam a raiz mas a raiz a eles, que eles não deveriam se orgulhar, mas TEMER, pois Deus NÃO LHES POUPARIA. Ou seja: a Igreja de Roma estava totalmente sujeita à apostasia, como de fato ocorreu. É triste ter que ficar explicando conceitos tão simples como ekklesia e a diferença entre Igreja institucional e Igreja como Corpo de Cristo a alguém tão ignorante e iletrado, que ainda precisa de leite e não está apto para o alimento sólido da fé. Em você se cumpre a palavra que diz:

      “Ainda que estejam sempre ouvindo, vocês nunca entenderão; ainda que estejam sempre vendo, jamais perceberão. Pois o coração deste povo se tornou insensível; de má vontade ouviram com os seus ouvidos, e fecharam os seus olhos. Se assim não fosse, poderiam ver com os olhos, ouvir com os ouvidos, entender com o coração e converter-se, e eu os curaria” (Atos 28:26-27)

      Se quiser aprender um pouquinho mais, leia isso daqui:

      http://apologiacrista.com/index.php?pagina=1083930598

      Em segundo lugar, você assina embaixo a sua total ignorância ao afirmar a palhaçada de que os católicos mataram menos que os protestantes na inquisição. Primeiro que somente idiotas que afirmam que existiu INQUISIÇÃO protestante, inquisição só existe na ICAR porque é um órgão dela. A “inquisição” protestante não foi uma inquisição, mas sim uma reação à inquisição católica. A verdadeira INQUISIÇÃO, a católica, matou mais de DEZ MILHÕES de pessoas ao longo de mais de TRÊS SÉCULOS de duração, enquanto a reação protestante não passou de alguns poucos milhares, ainda que os sites católicos aumentem essa quantia cada vez mais, é claro, pois são ignorantes e tem que apelar para recursos desonestos.

      É claro que os calvinistas reagiram um pouquinho, você não queria que eles vendo os seus pais, seus filhos, seus parentes e seus amigos sendo impiedosamente torturados até a morte ficassem sem fazer nada. Você iria ficar vendo os católicos estuprarem a sua irmã (eles estupravam as mulheres antes de matar as mesmas) sem fazer nadica de nada? Você teria coragem de ver a sua mãe sendo violentada sem reagir?

      E para um pouco mais de estudo pra você: a reação protestante à inquisição católica não passou da ordem dos milhares, enquanto os números católicos chegam aos MILHÕES de pessoas, as quais foram assassinadas pela própria Igreja, diferentemente da chamada “inquisição” protestante que era feita por TRIBUNAIS CIVIS, muitas das vezes eram mais questões políticas do que religiosas. Se você não fosse um ser tão ignorante e anencéfalo, já deveria saber que para ser uma INQUISIÇÃO deveria haver um tribunal eclesiástico com este nome, adulterando a Bíblia, torturando e matando milhões, se dizendo inerrante e “santo”, com o apoio do papa.

      Você conhece alguma inquisição protestante que tenha um tribunal eclesiástico?

      Somando todos os erros da história protestante chega a meio milhão?

      Dizemo-nos que somos infalíveis?

      Algum “papa infalível” nos apoiou?

      Eram órgãos de nossas igrejas?

      Fazem parte de nossas doutrinas?

      Os atos foram dos cidadãos em particular ou do Estado numa reação á Contra-Reforma de cunho mais político do que religioso?

      Se você não fosse tão ignorante, apostaria que poderia tentar responder algumas dessas perguntas com provas históricas, mas não pode, é por isso que me indicou o GOOGLE como fonte de referência, porque é um ignorante, nunca deve ter lido nenhum livro, eu tenho até pena de você. Estude um pouquinho de história. Por que quando a inquisição católica entrou na Espanha e em Portugal os judeus FUGIRAM PARA OS PAÍSES PROTESTANTES? Se eram os protestantes os “vilões” da história e os católicos os “mocinhos”, por que os judeus foram fugir dos católicos para os países protestantes?

      Excluir
    6. Nem sei por que estou fazendo esse tipo de pergunta para um animal tão ignorante, que não vai saber me responder nada, de certo não deve saber nem a data do próprio nascimento, quanto menos informações históricas como essas. Você deveria saber que os protestantes NÃO PARTICIPARAM DAS CRUZADAS, que foi um derramamento de sangue do qual apenas os CATÓLICOS participaram, matando inocentes “em nome da fé”! Entraram em território mulçumano e deceparam a cabeça de crianças, de bebês, rasgaram a barriga das grávidas, mataram inocentes, e isso “em nome de Jesus”!

      E você, de tão cego e abestado que é, ainda me diz que “A IGREJA NÃO FEZ NADA DIFERENTE DO QUE A BÍBLIA MANDOU FAZER”, como se Jesus tivesse dito para matar as crianças e recém-nascidos, assassinar inocentes e torturar até a morte os “heréticos”! Meu, vai se tratar, você é um psicopata, eu nem deveria estar debatendo com um louco que fugiu do sanatório. Você deveria é ser preso por apoiar atos tão cruéis como esses, você é mais animal do que aqueles que apoiam o nazismo em pleno século XXI e são presos, pois o nazismo fez muito menos atrocidades do que a sua igreja apóstata e prostituída fez ao longo dos séculos. E Jesus NUNCA apoiou a violência, pelo contrário, ele disse:

      “Disse-lhe Jesus: Guarde a espada! Pois todos os que empunham a espada, pela espada morrerão” (Mateus 26:52)

      E também:

      “Mas eu lhes digo: Não resistam ao perverso. Se alguém o ferir na face direita, ofereça-lhe também a outra” (Mateus 5:39)

      Como vemos, Jesus CONDENAVA O USO DA ESPADA FÍSICA para matar as pessoas, e dizia para não resistir ao perverso, para oferecer a outra face, para andar a segunda milha, para amar os inimigos. E ainda vem um animal nazista como você, que defende as atrocidades da sua igreja prostituída e ainda diz que foi a Bíblia que mandou vocês fazerem isso! Sinceramente, eu não sabia que o nível de imbecibilidade dessa sua igreja tinha chegado a tal ponto, e que a lavagem cerebral que vocês sofrem já tenha feito tanto efeito. Você não passa de um pobre coitado adorador de igreja, que em função de sua idolatria à igreja é capaz de defender até mesmo as maiores atrocidades da humanidade, eu não deveria dar a mínima atenção para um animal desses.

      Em terceiro, você afirma que “NÃO TEMOS PROBLEMA EM DAR GLÓRIAS AOS SANTOS E A MARIA”, mas a Bíblia diz que A GLÓRIA É SOMENTE A DEUS:

      “Eu sou o Senhor; esse é o meu nome! Não darei a outro a minha glória nem a imagens o meu louvor” (Isaías 42:8)

      Isso é o que eu sempre digo, vocês são um bando de ignorantes, não leem a Bíblia e se contentam com as cartilhas do padre na missa, isso explica o porquê de tamanha desinformação e ignorãncia, a Bíblia diz claramente que a glória e o louvor devem ser dados SOMENTE A DEUS, aí me vem um ignorante abestado como você afirmando que “não temos problema em dar glórias também a Maria e aos santos”. Sério mesmo, vai ler a Bíblia de Gênesis a Apocalipse, depois você venha tentar debater comigo. Eu só comecei a escrever este blog depois de ler o Novo Testamento inteiro QUARENTA VEZES, exatamente para não dar estes furos que vocês dão, pois vocês apenas repetem as asneiras ditas nos blogs católicos e nas ridículas cartilhas da missa, e perecem por falta de conhecimento das Escrituras:

      “O meu povo perece por falta de conhecimento” (Oséias 4:6)

      Excluir
    7. É por isso que debater com alguns católicos (como você) é como espancar um cachorro morto, chega até a ser covardia, pois do outro lado tem um ignorante de História, um ignorante de Bíblia, um ignorante do plano de salvação, um ignorante de tudo, que só decora as lavagens cerebrais feitas pelos blogs mais desprestigiosos que existem na internet, e por isso passa tanta vergonha quanto os próprios donos destes blogs ridículos já passaram aqui. Infelizmente alguém ainda tem que te avisar que o evangelho bíblico é de DEVOÇÃO SIMPLES E SINCERA SOMENTE A UM HOMEM, QUE É CRISTO:

      “O zelo que tenho por vocês é um zelo que vem de Deus. Eu os prometi A SOMENTE UM HOMEM, CRISTO, querendo apresentá-los a ele como uma virgem pura. O que receio, e quero evitar, é que assim como a serpente enganou Eva com astúcia, a mente de vocês seja corrompida e SE DESVIE DA SUA SINCERA E PURA DEVOÇÃO A CRISTO” (2ª Coríntios 11:2-3)

      Paulo se preocupava que os coríntios pudessem se desviar da DEVOÇÃO ÚNICA A CRISTO, isto é, a um único marido, a somente um homem, e a ninguém mais. Imagine Paulo “ressuscitando” em pleno século XXI e vendo milhões de católicos idólatras sendo DEVOTOS de milhões de “santos” e “santas”, se dobrando diante deles e dirigindo a eles suas preces... quando o apóstolo disse para serem devotos somente de Jesus!

      E eu ainda tenho que aturar essa pérola ridícula que você me escreve:

      “Agora amigo, se vc acha que o Catolicismo é sincretista, vc vai ter que condenar o apóstolo Paulo, afinal ele foi o primeiro sincretista”

      Ou seja, pra você Paulo era um pagão, era alguém que precisava pegar coisas do paganismo e trazer para dentro da Igreja, o que você DEFENDE, lamentavelmente, como se Deus precisasse de um sincretismo religioso pagão para mostrar aos crentes a doutrina verdadeira da Igreja! É por isso que eu digo a essa gentalha: vai se tratar. Mas vai mesmo. E aprende a ler a Bíblia e ver que o evangelho anunciado no século I não estava sujeito a acréscimos, o que elimina totalmente a possibilidade de passar por uma TRANSFORMAÇÃO futura através do sincretismo religioso com seitas não-cristãs, o que você defende:

      “Mas ainda que nós ou um anjo do céu pregue um evangelho diferente daquele que lhes pregamos, que seja amaldiçoado! Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho que vá além do que já recebestes, seja anátema” (Gálatas 1:8-9)

      Ou seja: o evangelho não poderia ser DIFERENTE, em nada, daquilo que JÁ HAVIA SIDO ANUNCIADO por Paulo; não estava sujeito a acréscimos e inovações (o que o catolicismo tratou de fazer aos montões, até hoje), não poderia ir ALÉM daquilo que eles já tinham recebido. E aí me vem um ignorante como você, na maior cara de pau, defender o sincretismo religioso com o paganismo, que MUDOU TOTALMENTE a cara do Cristianismo, como se fosse uma “cristianização” do paganismo favorável à fé cristã!

      Excluir
    8. Sinceramente, chega, você já deve ter cansado de apanhar. Só pra terminar, gostaria de rir mais um pouco com a sua última maluquice bisonha:

      “Sim, eu me prosto diante de uma imagem de madeira sim, por que não o faria?”

      Sinceramente, depois dessa afirmação eu me matava de uma vez. Imagine só se Pedro, que vocês dizem ter sido o primeiro “papa”, tivesse tal concepção em mente, de que é totalmente aceitável se prostrar diante de algo ou alguém que não seja Deus. Ele não teria repreendido Cornélio (que a Bíblia descreve como sendo “justo e temente a Deus” – At.10:2) por causa disso:

      “E aconteceu que, entrando Pedro, saiu Cornélio a recebê-lo, e, prostrando-se a seus pés o adorou. Mas Pedro o levantou, dizendo: Levanta-te, que eu também sou homem como você” (Atos 10:25-26)

      Imagine só se o anjo achasse “normal” se prostrar diante de alguém que não seja Deus. Ele não teria repreendido o próprio apóstolo João por causa disso, dizendo ser um ato idólatra:

      “E eu, João, sou aquele que vi e ouvi estas coisas. E, havendo-as ouvido e visto, prostrei-me aos pés do anjo que mas mostrava para o adorar. E disse-me: Olha, não faças tal; porque eu sou conservo teu e de teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora a Deus” (Apocalipse 22:8-9)

      Sério mesmo, depois de tudo isso, eu acho melhor eu parar por aqui, chega deste banho de Bíblia e de História em cima de um pobre coitado ignorante que não tem o mínimo conhecimento de nada, continuar humilhando um ignorante iletrado desses não vai servir pra muita coisa. Se pelo menos você tivesse um mínimo de inteligência, mas só um MÍNIMO, eu poderia continuar debatendo e surrando você com a Bíblia e a História.

      Mas sabe, imbecilidade tem limites, eu já debati com idiotas mas isso já é demais, então ainda que eu tenha dito anteriormente que não debato com gente tão ignorante como você mas estaria abrindo uma exceção, eu fecho essa oportunidade dada a você, até o momento em que você comece a ler a Bíblia, estudar um pouco, se informar, ser devidamente alfabetizado e ter um mínimo de escolaridade. Até que isso aconteça, não me compensará em nada continuar surrando um pobre ignorante que não acrescenta em nada com os seus argumentos pobres, infantis e amadores.

      A sua chance termina aqui. Se quiser continuar sendo surrado daqui pra frente, procure OUTRO protestante para completar os nocautes.

      Por Cristo e por Seu Reino,
      Lucas Banzoli.

      Excluir
    9. gostei meu querido , em defesa do evangelio de cristo, fica na paz

      Excluir
    10. FALSOS ROFETAS
      Abulgasim Mohammad - Maomé (O profeta do Islamismo);
      Ellen G. White (A profeta da Igreja Adventista do Sétimo Dia);
      Joseph Smith (O profeta da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias);
      Charles T. Russell (O profeta das Testemunhas de Jeová);
      Allan Kardec (O profeta do Espiritismo Moderno);
      Todos Papas (Profetas da Igreja Católica Romana)

      Excluir
    11. SÓ JESUS SALVA, SÓ ELE É O CAMINHO, E ELE ESTÁ VOLTANDO...

      Excluir
    12. Justamente pelo fato das sagradas escrituras ser a palavra de Deus revelada ao homem que todo esse tempo ninguém, nem o Catolicismo Romano a destruiu, mesmo se pudesse não conseguiria destruir as sagradas escrituras, Deus mostrou que ele estava e está no controle mesmo quando a bíblia estava em domínio dos Católicos. Toma essa catolicaiada!!! kkkkkk

      Excluir
  2. A igreja idolatra romana não tem nada que se aproveite os devotos marianos deviam ter vergonha na cara colocar Maria e santos no mesmo patamar de Jesus que é o proprio Deus e os santos (deuses) que cegaram os católicos que é o mesmo que fala o deus deste seculo que cegou o entendimento para que não resplandeça a luz do evangelho. Deviam temer a Deus tirar o rosario santos e Maria e vir a Jesus

    ResponderExcluir
  3. Caracas... a "argumentação" católica é irritante, além de cínica... segue sempre a mesma construção:
    1) estreitamento da relação de forma hipócrita, como uso do vocativo "amigo"
    +
    2) falácia e/ou sofisma, acompanhadas ou não de colagens de textos e/ou dados de fontes questionáveis
    +
    3) desmoralizações e/ou ridicularizações vazias, algumas vezes utilizando-se de elementos retóricos como "reductio ad absurdum".

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Que coisa ! Os católicos só tem argumentos completamente anti-bíblico , sem nenhum fundamento bíblico , acho isso uma vergonha , e ainda blasfemando contra o Espirito Santo , colocando culpa no Espirito Santo ... Aí fica um recardo para os católicos ; ao invés de ficarem passando vergonho em debates conduzidos pelo Espirito Santo , pois estes tem fundamento bíblico e verdadeiros , vão lê a bíblia e parem de se esconder atrás de Roma e papas e padres ... Há só um mediador entre Deus e homens " Jesus Cristo . Fica paz...

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelo texto!!!Graças a Deus,eu sai desse engano tremendo e minha familia vai sair também!!

    ResponderExcluir
  6. Graças a Deus,por ter me dado conhecimento e usado pessoas para me mostrar a verdade.Parabéns pelo seu texto,realmente as pessoas estao cada vez mais cegas...

    ResponderExcluir
  7. Lucas, Gostei muito do blog, que Deus continue trazendo entendimento as pessoas através da sua vida; Abs Rafa

    ResponderExcluir
  8. Frequentava a igreja catolica fui batizada era praticante. me confessava,rezava o terço ,catequese, frequentava grupo d jovens, pedia a beatos. A pouco tempo atrás comecei a frequentar a evangélica. Estou um pouco confusa! Mas o modo q os pastores pregam é uma maravilha! Meu pai era catolico, já foi espirita. e hj é evangelico, e pego ele como exemplo. Quero me converter a evangelica,conhecer realmente a verdade. Deus abençoe!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz com seu testemunho, se precisar de qualquer ajuda ou instrução na fé não hesite em perguntar, seja aqui ou em meu outro site (apologiacrista.com), continue firme na fé em Cristo Jesus. Um abraço!

      Excluir
    2. tem algo falando sobre vocaçoes??

      Excluir
    3. Artigos sobre vida cristã você pode conferir no meu outro site, há uma lista de artigos que você pode conferir neste link, veja se algum lhe agrada ou responde as suas dúvidas:

      http://www.apologiacrista.com/index.php?pagina=1087004503

      http://www.apologiacrista.com/index.php?pagina=1086992158

      Abraços.

      Excluir
  9. vocação religiosa católica...como a "vida consagrada" freira,padre,bispo etc etc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Biblicamente existem apenas cinco ministérios eclesiásticos, os que Paulo escreve em Efésios 4:11:

      "E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres" (Efésios 4:11)

      Portanto, biblicamente não existe "papa" (ou "Sumo Pontífice"), "freira", "padre", etc. O bispo é um cargo na Igreja mas não como a Igreja Católica ensina e como algumas igrejas evangélicas também, como sendo um cargo "acima" do pastor/padre, mas é uma terminologia diferente para o mesmo cargo de pastor e presbítero (ou seja, pastor, presbítero e bispo são terminologias diferentes para a mesma função na Igreja, e não postos superiores uns aos outros), como você pode conferir em Atos 20.

      Paulo mandou chamar em Éfeso os PRESBÍTEROS daquela igreja (At.20:17), e disse que eles eram BISPOS (At.20:28) eleitos por Deus para PASTOREAREM (=pastor) o rebanho de Deus (At.20:28). Em outras palavras, pastor, presbítero e bispo são a mesma coisa, terminologias distintas para um mesmo cargo eclesiástico,não existe uma posição de autoridade eclesiástica do bispo acima do padre como há na Igreja Católica, e os outros cargos que você citou não existem biblicamente (papa, freira, padre, arcebispo, etc), são invenções de Roma.

      Abraços.

      Excluir
    2. Sobre o cargo de Sumo Pontífice, recomendo-lhe este artigo:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2013/09/quem-e-o-nosso-sumo-pontifice.html

      Excluir
  10. creio que padre tenta colocar isso sobre "vocação religiosa" na cabeça dos jovens para eles confundirem com chamado! pois hoje em dia, ninguém quer ser padre ou freira. (no meu ponto de vista!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem razão, Deus não chama ninguém para ser padre ou freira, aí os padres usam de recursos humanos para ludibriarem a mente dos fieis, para darem continuidade à essa seita católica.

      Excluir
  11. Bom,eu frequentava a ICR mas antes a EVANGELICA, e era feliz na minha congregação,foi qnd fui para ICR confessava ia as missas, foi quando começaram a falar sobre vocaçoes e tdo mais. e fui perguntar ao padre, e ele disse "por que vc esta com medo da freira que tem dentro de vc? nao sou eu que estou dizendo , é jesus" Senti raiva e muita tristeza na hora. E disse para mim mesma! "AQUI NAO É O MEU LUGAR" e voltei a Evangelica. Hj estou muito feliz lá, e sinto a enorme presença de Deus! ESPERO QUE TODOS DESCUBRAM A VERDADE. ABRAÇOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, os padres estão tão desesperados em conseguirem freiras para a igreja deles (porque ninguém mais quer ser isso) que querem enfiar isso goela abaixo, pois é muito mais fácil dizer que é Jesus que está querendo isso do que o desejo do próprio padre. Na Igreja primitiva e nos primeiros séculos da era cristã não existiam "freiras" como existem hoje na Igreja Católica, não há razão para qualquer pessoa ser isso.

      Excluir
  12. Lucas, sou um católico "de família", não aceito todos os preceitos, e acho muito confusa a leitura da Biblia.
    Estou procurando aprender sobre todos as crenças. Minha cultura geral é mais tecnicista e um tendo para acreditar naquilo que a ciência comprova. Tento analisar fatos. A minha opinião sobre evangélicos´, cultos ou não é que não vêem ou não querem ver, o interesse financeiro que há por traz de tudo isso.

    Também há na Igreja Católica, mas nas evangélicas, nos cultos televisivos, o que se vê são pessoas, exploradas e muitas coniventes com os pastores.

    Como explica os programas do apostolo Santiago, RR Soares, Bispo Macedo e sua rede de tv.
    Qual a sua opinião sobre esse tipo de religião, mercantilista, embusteira, exploradora da fé?
    Serra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente com o que você disse, de fato há setores na comunidade evangélica que não passam de mercados da fé, que vendem e negociam o evangelho, que exploram os fieis e que dão um baita mal exemplo para a sociedade. Eu não nego isso. Mas quem é evangélico sabe que existem igrejas mais sérias e honestas em maior quantidade, o problema é que as igrejas-negócios, mesmo sendo minoria, são as que mais aparecem por meio da televisão e da mídia em geral, passando uma noção falsa de que todas as igrejas evangélicas são como elas, o que não é verdade. Há alguns dias eu terminei um livro onde condeno exatamente essas heresias no meio evangélico neopentecostal, vale a pena ler:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2013/11/meu-novo-livro-chamados-para-crer-e.html

      Abraços.

      Excluir
  13. Rapaz, que surra de bíblia levou esse "anonimo",por isso não voltou mais kkk.Realmente é triste saber desses erros e mais triste ainda saber que milhares de pessoas permanecem neles.Jamais imaginei que leria frase semelhante a que o cidadão soltou acima,que se ajoelha perante imagens e não ve problema algum

    ResponderExcluir
  14. lucas, espetacular amigo,,, tbm já fiz parte do catolicismo, hj cm a graça de Deus pai todo poderoso honrosamente conheci a palavra, e creio eu cm a ajuda do pai , filho e espirito santo, ficarei eternamente na palavra, e só ela salva (biblia).. porém aos demais catolicos e de outras seitas deveriam começar a refletir sobre os erros que cometem (adorando imagens,e muitas outras coisas que são completamente fora do caminho de jesus cristo)... aqui vai um pequeno exemplo para eles começarem a refletir... ( E CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ)

    ResponderExcluir
  15. Lucas parabéns pelo blog,

    ResponderExcluir
  16. Jefferson 19 anos25 de junho de 2014 17:35

    Que Sabedoria e conhecimento Lucas, que Deus te abençoe e que você prossiga em conhecer, gostei da parte que vc disse que pessoas pebsa.que devemos so ler ou praticar o novo testamento, a Biblía toda é a palavra de Deus, portanto Jesus veio cumprir a Lei

    ResponderExcluir
  17. Saudações Cristã a todos os irmãos protestantes!" "A Paz do Senhor Jesus" caro irmão Lucas Banzoni...li tudo que foi escrito neste rico e abençoado Blog. Me chamo Gilson, moro em São Paulo - Sacomã, declaro que fui chamado pela "Graça" a 15 anos atrás e persevero nesta fé até agora hoje e sempre, e ao meu respeito está escrito em Gálatas cap: 1 vers: 15 e 16 "Louvado seja Deus" tenho testemunho pessoal de gratidão ao "Espírito Santo" Aleluia... que me alcançou e me livrou numa noite de extrema desilusão terrena, que confesso na minha bôca em todas as pregações da "Bendita Palavra" Eu era como este anônimo, sempre disfarçado, escondido, covarde, mentiroso, profano, idolatra, mais amigo dos homens doque de "Deus" um verdadeiro bajulador de padres e seminaristas. Mas... eu não conhecia a verdade, pois era filho da escuridão, criatura mundo, cativo do cativeiro, algemados nos erros e nos enganos, hoje entendo! Eu tenho dó desta pessoa que se intiula como um anônimo! Mas...não desculpas pra ele hoje em dia, se "Jesus" voltar agora, está perdido pra sempre, vai perder a sua salvação! Sabe porque caro irmão Lucas? Porque neste Blog tem tido muita orientação, exortação e correção, só que: continua orgulhoso, arredio, ingrato e quer continuar na ignorância! mesmo o "Espirito Santo" alertando e dando oportunidade de se arrepender de seus erros, e deixar o mal caminho, como você mesmo diz: nenhuma igreja pode salvar almas, só "Jesus Cristo" é verdade quando Ele diz: examinai as escrituras por julgais ter nela a vida eterna e são elas que de mim testeficam, ela toda inspirada por "Deus" que escolheu, seus profetas, homens e mulheres de diversos níveis de instrução e seus apóstolos! Penso eu...se depois de tudo que você escreveu e outros irmãos sóbrios e fundamentados a respeito da verdade, e este anônimo que é uma alma que está perdida e sendo confundida por demônios em sua vida, digo que se não fôr humilde, difìcilmente saírá desta cativeiro, sei doque estou falando! Vi muitos e muitas almas baixarem sepultras nestas condições, que questionaram e duvidaram da "Escruras Sagradas" digo eu... partir deste momento entrego-o em oração nas mãos de "Deus Pai" em "Nome de Jesus" os seus cuidados, e partir deste momento, não perderia mais o meu tempo precioso com este tipo pessoa, acho que vocês já fizeram oque tinha que fazer em se tratando de ensina-lo e orienta-lo na "Palavra" Observem como é um escarnecedor, oliveira brava que pode ser desligado do ramo! Mas...a Porta da Graça ainda está aberta, dá tempo pra ser fêliz eternamente na presença de "Jesus o nosso mestre amado" que êle possa refletir sobre esta "Dádiva" "Paz e Graças a todos" ir..Gilson Adventista do 7 dia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gilson, obrigado pelo seu comentário. Realmente é lamentável que algumas pessoas tenham cegado a si mesmas espiritualmente, de modo que é só Deus na causa. Nós não podemos (e nem devemos) obrigar ninguém a crer, muito menos um cego espiritual, cabe a nós apenas pregarmos a verdade; crê quem quer, não crê quem não quer. Uns aceitam a graça divina e abrem os olhos, outros rejeitam a graça dEle e permanecem de olhos vendados. Estes pelo menos não vão ter desculpa no dia do Juízo final. Tiveram a devida oportunidade.

      Grande abraço!

      Excluir
  18. Muito bacana, sempre tuve dúvidas quanto a isso, pq toda minha infancia fui a igreja católica, mais Deus me nostrou a verdade e hoje sou batizada e cristã cim muito orgulhoo

    ResponderExcluir
  19. Sobre o prostrar-se diante de uma escultura, Josué e os anciãos se prostraram diante da Arca, que tinha esculturas de querubins. O fato de se prostrar diante de uma imagem não significa necessariamente um ato de idolatria.

    “Então Josué rasgou as suas vestes, e se PROSTROU em terra sobre o seu rosto perante a arca do Senhor até à tarde, ele e os anciãos de Israel; e deitaram pó sobre as suas cabeças.” Josué 7:6

    O tabernáculo de Moisés e o Templo de Salomão eram repletos de imagens. No entanto, Deus ordenou que se reverenciasse o seu santuário:

    “Guardareis os meus sábados, e o meu SANTUÁRIO REVERENCIAREIS. Eu sou o Senhor. Levítico 19:30

    As cortinas do Tabernáculo eram repletas de bordados de Querubins:

    “E o tabernáculo farás de dez cortinas de linho fino torcido, e azul, púrpura, e carmesim; com QUERUBINS as farás de obra esmerada.” Êxodo 26:1

    E o Templo de Salomão era repleto de esculturas e entalhes de querubins, leões, bois e etc, em todas as paredes.

    “E todas as paredes da casa, em redor, lavrou de esculturas e entalhes de querubins, e de palmas, e de flores abertas, por dentro e por fora.” 1 Reis 6:29

    "E sobre as cintas que estavam entre as molduras havia leões, bois, e querubins, e sobre as molduras uma base por cima; e debaixo dos leões e dos bois junturas de obra estendida." 1 Reis 7:29

    Paz e bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom, Cláudia, você só se esqueceu de citar a CONTINUAÇÃO deste versículo aí de Josué que você citou, onde Deus CORRIGE Josué por este ato falho:

      Josué:
      7:6 Então Josué rasgou as suas vestes, e se prostrou em terra sobre o seu rosto perante a arca do Senhor até à tarde, ele e os anciãos de Israel; e deitaram pó sobre as suas cabeças.
      7:7 E disse Josué: Ah! Senhor Deus! Por que, com efeito, fizeste passar a este povo o Jordão, para nos entregares nas mãos dos amorreus para nos fazerem perecer? Antes nos tivéssemos contentado em ficar além do Jordão!
      7:8 Ah, Senhor! Que direi? Pois Israel virou as costas diante dos inimigos!
      7:9 Ouvindo isto, os cananeus, e todos os moradores da terra, nos cercarão e desarraigarão o nosso nome da terra; e então que farás ao teu grande nome?
      7:10 Então disse o Senhor a Josué: LEVANTA-TE, POR QUE ESTÁS PROSTRADO ASSIM SOBRE O TEU ROSTO?

      Reverenciar o santuário não tem nada a ver com se PROSTRAR diante dele. De onde foi que você tirou essa ideia?

      Quando foi que alguém se prostrou diante de uma imagem de querubim no templo???

      ???

      Excluir
    2. "Levanta-te, por que estás prostrado assim sobre o teu rosto?"

      Onde está a "correção"? Em momento algum Deus o repreendeu por isso. Deus apenas o mandou levantar e queria ouvir o que Josué tinha a dizer. Nada além disso.

      Reverenciar não é necessariamente se prostrar. Mas alguma postura tem que ter. Ou de silêncio, ou baixar a cabeça, ou se ajoelhar, ou qualquer coisa que demonstre reverência. Isso eu vejo na igreja católica. Nas protestantes? Até forró o povo dança, sem o menor respeito por aquilo que consideram sagrado. O que vocês nos acusam de idolatria, nós chamamos de reverência.

      E quando o Templo, (que era repleto de esculturas de querubins e entalhes de bois, leões e querubins nas paredes e nas portas), enfim, quando este Templo foi construído, os sacerdotes não conseguiram permanecer de pé por causa da Glória que encheu o Templo. Se não permaneceram de pé, ou se ajoelharam, ou se deitaram, ou qualquer coisa do gênero.

      "E os sacerdotes não podiam permanecer em pé para ministrar, por causa da nuvem, porque a glória do Senhor enchera a casa do Senhor." 1 Reis 8:11

      Excluir
    3. Deus "aceitou" a atitude de Josué mandando-o parar com ela? rsrsrs

      Deixe de generalizações descabidas. Dizer que toda igreja evangélica dança forró é a mesma aberração de dizer que toda igreja católica faz macumbaria com o padre Pinto, ou que faz sincretismo religioso com a umbanda, ou que vota no PT igual a teologia da libertação do Leonardo Boff, ou que toda a igreja católica é pedófila porque existem certos padres pedófilos... se você quiser mesmo entrar neste joguinho de generalizações eu posso entrar também. Quer mesmo?

      E da onde você viu que os sacerdotes se prostraram DIANTE DAS IMAGENS? Não há nada disso neste texto. Aliás, o texto em questão não diz nem que eles se prostraram, se limitando a dizer somente que eles não ficaram de pé (podiam ter caído, ficado deitados ou sabe-se lá que coisa).

      Reverência é uma coisa, prostrar-se é outra coisa. Eu reverencio meus pais, mas não me prostro aos pés deles, e muito menos faço imagens deles para pedir-lhes alguma coisa. Vocês precisam urgentemente rever seus conceitos de "veneração". Talvez este artigo lhes ajude:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2013/05/nao-adoram-so-veneram.html

      Excluir
    4. Sempre usam esse argumento pífio sobre a arca, os querubins e etc, fazendo uma manobra rídicula no intuito de continuarem com suas práticas pagãs e alheia a crença dos Hebreus (incluindo ai os apóstolos). O conceito de arte e ornamentação também existe no ambiente judaico e cristão, no entanto, isso nada se assemelha com as práticas do catolicismo! Sim, havia as imagens dos querubins na arca, no entanto, jamais os judeus que andaram de forma reta perante o ETERNO, usaram os querubins da arca como forma de se chegar a Deus, prostrando - se em orações aos querubins. Tais imagens citadas pela senhorita Claudia em relação ao templo dos judeus, em nada tem a ver com as imagens de escultura do catolicismo, ou será que os sacerdotes faziam imagens dos patriarcas, incentivando o povo a prostrar -se diante delas e a fazerem procissões? Imaginem só os hebreus fazendo uma mega procissão com uma baita de uma escultura de Abraão, pedindo para que o mesmo rogasse por eles junto a Adonai, kkkkkkkk! O fato é que essas imagens traziam simbologias e tipificações, além de serem também ornamentos e nunca foram empregadas nelas o mesmo conceito que os católicos aplicam as suas imagens de esculturas de santos mortos e que não podem fazer nada pelos vivos! Os hebreus que cairam em tais práticas , certamente foram punidos! Repetindo: Jamais foram feitas imagens no templo para homens e mulheres baseado na crença de que os mesmos intercedem pelos que estão na terra dos viventes! Texto fora de contexto é pretexto para heresia!

      Dionatan!

      Excluir
    5. Bem observado, Dionatan. Vale lembrar que a própria serpente de bronze, que os católicos tanto falam, só continuou de pé enquanto o povo judeu não prestava nenhum culto ou honraria a ela. Depois que começou a idolatria à serpente no maior estilo romanista, veja o que Ezequias fez com ela:

      "Removeu os altares idólatras, quebrou as colunas sagradas e derrubou os postes sagrados. Despedaçou a serpente de bronze que Moisés havia feito, pois até àquela época os israelitas lhe queimavam incenso. Ela era chamada Neustã" (2 Reis 18:4)

      Os israelitas estavam queimando incenso à imagem, e até haviam lhe colocado um nome - Neustã. Qualquer semelhança com a idolatria católica pode não ser mera coincidência. Os católicos também fazem imagens, também queimam incenso diante dessas imagens e também dão nomes a estas imagens. Eles fazem com as suas imagens exatamente O MESMO que os israelitas da época de Ezequias faziam com a imagem da serpente de bronze, quando Deus mandou DESTRUÍ-LA. Mudam-se os tempos, trocam-se os personagens, alteram-se os nomes, mas a essência da idolatria permanece a mesma de sempre. O diabo apenas muda o nome da peça, mas coloca o mesmo roteiro nela.

      Abraços.

      Excluir
    6. Verdade Lucas! E sabe quem mais ganha com essas heresias? A indústria de velas! A serpente de metal não possuía virtude para operar curas, nenhuma passagem bíblica afirma que havia tal poder nela. O ato de olhar para a serpente de bronze é simplesmente uma ato de obediência para com as maneiras "esquisitas" do Eterno operar, veja o casa de Namã que para ficar curado da lepra que o afligia, teve que mergulhar sete vezes no rio Jordão! Será que o rio Jordão tinha a virtude de cura e os profetas e sacerdotes se prostravam perante ele? É óbvio que não! E o que dizer de quando Jesus cospe no barro e faz uma lama e passa nos olhos de um cego para curá - lo?! Vamos venerar lama feita com saliva e barro agora, kkkkk! Vejo no caso da serpente uma simples prova de confiança e obediência e NÃO uma autorização para fazer imagens e venera - las, e como você bem lembrou Lucas, a serpente foi destruída devido o povo ter confundido as coisas e terem criado superstições nela! Outro argumento descabido utilizado por muito católicos, é o de que Moisés foi intercessor do povo e por isso os santos intercedem! Mais uma vez os apologistas católicos desprezam todo o cenário histórico que ali acontecia, pois, para começo de conversa, Moisés estava VIVO! Temos que lembrar também, que os Hebreus estavam saindo do Egito, e não sejamos ingênuos a achar que esse povo não estava contaminado com as práticas pagãs egípcias e por isso mesmo precisava de alguém que os guiasse,no caso Moisés, até por que o espírito de Deus era privilégio de poucos nessa época e não havia sido derramado sobre toda carne! Ai eu pergunto: Depois que Moisés morreu o que aconteceu? A resposta é simples: Moisés foi simplesmente enterrado e o SENHOR levantou outro lider e intercessor para aquele povo! Ganha um prêmio quem acertar quem foi...

      Isso mesmo! O Senhor levantou Josué, filho de Num e o povo não continuou com Moisés, o povo não ficou clamando a Moisés, o povo passava agora a ter um novo líder na pessoa de Josué! O contexto dessas narrativas bíblicas não tem absolutamente nada a ver com o conceito e crença de intercessão de santos canonizados pela ICAR! É necessário muito fanatismo e devoção para com a instituição católica e o estado do Vaticano para conseguir distorcer tanto os textos bíblicos!

      Abraço Lucas e continue com esse excelente trabalho em defesa e busca da fé proclamada pelos patriarcas, os profetas, Jesus e os apóstolos!

      Dionatan.

      Excluir
  20. Lucas vc e outros apologistas cristão são o nosso orgulho! É muito bom ver alguém defender a palavra de Deus com tamanha sabedoria! Que Deus te abençoe cada vez mais meu irmão!

    ResponderExcluir
  21. eu como católico pensando como pode falar tanto da igreja católica usando sempre o mesmo argumento“Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te prostrarás diante deles nem lhes prestarás culto; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam”(Êxodo 20:4-5)
    se as pessoas conhece-se bem a igreja católica certamente nunca a abandonava aonde está a palavra imagem em EXODO 20,4-5 NAO TENHAS OUTROS DEUSES DIANTE DE MIM! NÃO FAÇA PARA VOCÊ IDOLOS,ENTÃO IDOLOS SÃO IDOLOS E NÃO IMAGEM ENTÃO DEUS PROIBE IDOLOS E NÃO IMAGEM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma grande honra ter aqui o comentário de um notório erudito do hebraico como você, nobre João Carlos. Apenas um comentariozinho de alguém que não sabe nada: "ímagem" em hebraico é pecel, e "ídolo" é 'eliyl. Vai lá em Êxodo 20:4 ver qual dos dois aparece. Depois me dê mais aulas de hebraico, Dr. João Carlos, porque eu estou precisando.

      Abraços, e volte sempre, caríssimo doutor.

      Excluir
  22. Lucas, nesse artigo você citou muito sobre o catolicismo, mas a minha pergunta é sobre o adventismo : Eles se consideram Protestantes ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A maioria se considera protestante sim (veja por exemplo: http://www.adventistas.org/pt/institucional/os-adventistas/quem-sao-os-adventistas/), mas alguns de uma ala mais radical acham que o protestantismo é "filho da Babilônia" (ICAR) e que portanto eles são uma religião à parte.

      Excluir
  23. Pode ser uma seita, mas só nessa igreja há salvação. Como disse Santo Agostinho : ''Fora da igreja católica , pode se encontrar tudo. Pode-se ter honra, pode haver sacramentos, pode-se cantar '''aleluia'', pode-se responder ''amém'', pode-se defender o evangelho, pode-se ter fé no pai, no filho e no espirito santo e prega-lá; mas nunca, exceto na igreja católica pode haver salvação''

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal, amigo, só faltou lembrar de uma coisa: essa "Igreja Católica" de Agostinho não tinha nada a ver com a "Igreja Romana" de hoje.

      Excluir
    2. Era sim. A igreja só era católica e não apostólica romana, e tbm o bispo de roma não tinha autoridade sobre os demais. Porém a igreja de roma antes do cisma é a msm da depois do cisma, a diferença é que antes ela era ''parça'' das ortodoxas e dps do cisma ficou ''forever alone''

      E se o Agostinho tiver certo, hein, Sr. Banzoli?

      Excluir
    3. Você nem percebeu, mas acaba de admitir aí que Agostinho não estava falando da "Igreja Católica Apostólica Romana", e que a Igreja da época não era "romana". Ou seja, refutou seu próprio argumento.

      De fato, o que Agostinho falou não se difere em nada do que os evangélicos sempre creram. Não existe salvação fora da Igreja universal, isto é, do corpo de Cristo espalhado por toda a terra. Quem tomou essa frase em sentido particular distorcendo o sentido original não fomos nós, mas vocês.

      Excluir
    4. Então a Igreja Católica que Santo Agostinho n existe mais ? Ele n tava se referindo há Igreja ortodoxa e a Icar de hj ? Pq antes elas eram unidas.

      E outra, ele não citou a igreja como vc disse, pq se fosse assim ele n ia dizer que ''pode-se dizer amém'' ''pode haver sacramento'' Ora, se é o corpo de cristo(pessoas) pq ele cita isso ? Ele tava se referindo aos falsos cristãos?

      Excluir
    5. A Igreja de Agostinho nunca deixou de existir. Ela sempre permaneceu subsistindo em cada igreja e em cada cristão que conservava uma doutrina pura. Estes que que "dizem amém" do texto que você cita eram os donatistas, que sustentavam que a Igreja não devia perdoar e admitir pecadores, ou seja, que falhavam em uma QUESTÃO CENTRAL do evangelho, o que os colocava à margem da Igreja. Então sim, eram falsos cristãos na perspectiva de Agostinho, e na minha também. Não há nada neste texto que negue alguma concepção protestante. O que Agostinho disse aí seria parecido com se eu dissesse que o espiritismo, mesmo tendo orações e crendo em Deus, não é cristão e não leva à salvação.

      Excluir
    6. Então ele usou isso pq a igreja Católica era a mais "correta", certo?

      Excluir
    7. Desde que se entenda corretamente o que era a "Igreja Católica" na visão de Agostinho (como expliquei acima), é lógico que sim.

      Excluir
  24. Se alguém nascer católico,que permaneça católico e que pregue o evangelho tal como ele é na igreja.
    Porque covardes não têm lugar no reino do ceu.
    Por isso se és católico fala alto e em bom som a verdade quando estiveres reunido!
    Se te chamarem de louco,não te preocupes com isso porque verdadeiramente para o mundo és louco!
    Quanto a grande maioria protestante esses não são loucos,mas sim dementes sem o Espírito Santo.
    Existe uma igreja que como a católica existe algo verdadeiro e que podemos confiar em caso de aflição,a igreja Batista.Quanto as outras,não passam de dementes.

    Shalom
    assi:Um irmão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por nos passar o exemplo prático de como funciona a mente de um fanático zumbi tridentino.

      Excluir
  25. Boa Tarde prezado Lucas Banzoli Paz de Cristo!! Te felicito pelo artigo e gostaria de expor algumas coisas que vão de encontro ao seu artigo, primeiramente lhe digo que sou um católico orientado a visão ortodoxa, que pela falta de uma Igreja ortodoxa perto de meu bairro ( na minha cidade existe mais longe) frequento a Igreja Romana, por eles terem a dita sucessão apostólica e os sacramentos, a bíblia completa e tal me é lícito lá participar enquanto não existe uma Igreja Ortodoxa próximo de minha casa, pois bem, dito isto vamos aos fatos: A Igreja Romana é Egoísta se proclamando como sendo o caminho de salvação ao ponto de se dizer "Única Igreja de Cristo" e dizer que " Fora dela não existe salvação" Isto é ledo engano, pois, quem Salva é Jesus e não igreja alguma, o purgatória é uma doutrina que invalidaria o sacrificio de Cristo, contradiz a Bíblia e não há sustentação. A questão das imagens que é tão polêmica é muito fácil de se entender: A Bíblia não condena que se façam imagens e sim a Idolatria, portanto se eu tenho um quadro que representa a pessoa de Jesus, Maria, Pedro ou Paulo, isso seria como ver uma fotografia, ou ir num museu ver uma obra de arte, ou mesmo ler uma Bíblia ilustrada desta de versões infantis, não existe problema nisso, mais agora criar uma imagem física palpável, se ajoelhar a ela, chorar por causa dela, sair com ela em procissão, conversar com ela, isso é a mais pura idolatria e te digo mais as pessoas que estão conversando com as imagens algumas delas realmente são correspondidas, mais quem as responde? O Enganador de séculos Satanás. A questão de Maria como fica? Realmente cremos em Maria com um papel especial acima daquilo que os evangélicos creem, contudo o Evangelho ou melhor a Bíblia inteira só trata de três coisas: O homem que pecou e se afastou de Deus, Deus querendo que este homem se reconcilie com Ele, Deus se fazendo carne na pessoa de Jesus Cristo e morrendo e ressuscitando por nós. O catolicismo romano fecha seus olhos a Idolatria enquanto condena "N" outras coisas que nem pecado são, como o fato de um casal casado não querer ter filhos. Outro problema é por infabilidade num homem, enfim o que eu quero dizer é que diferentemente dos Romanistas, nós Ortodoxos não vemos nossos irmãos protestantes como filhos do diabo, cremos que os protestantes que verdadeiramente seguem a Jesus serão salvos por sua fé, nós não cremos em purgatório, não fazemos imagens palpáveis ( estatuas) pois isto facilita a Idolatria, não fazemos procissões, ( Se for para fazer uma procissão que seja em um só coro declarando que Jesus é Rei e que ai daqueles que o rejeitam.)
    Espero ter contribuído, vivo dentro da catolicismo romano, vejo muitos erros lá, contudo fico em silêncio e sigo minha vida eu e Cristo, crendo que quem Salva é ele e não á Igreja e rezando por meus irmãos que eu vejo em erros gravíssimos, como o de achar que não vai para o inferno só porque usa um cordão ( o Escapulário) Vale salientar que muita supostas aparições de Virgem Maria e outros Milagres são obras do diabo, todo e qualquer milagre deve passar pelo crivo da Bíblia. Paz de Cristo!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por abrilhantar este local com o seu pertinente comentário, Wagner. A paz de Cristo pra você também!

      Excluir
  26. Olá de novo, em tempo estive lendo os comentários que os irmãos fizeram acima e senti a necessidade de comentar de novo neste post, pois, bem acima alguém citou Agostinho e sua citação que fora da Igreja Católica não existe Salvação, acontece que a Palavra Católica significa Universal, ou seja, aonde tem pessoas reunidas em nome de Jesus Praticando o verdadeiro Cristianismo ali temos uma Igreja Católica, no tempo de Agostinho a Igreja ainda era Una e não havia uma supremacia Hegemônica do Bispo de Roma( Mesmo que os romanistas digam isso) Aliás sugiro aos defensores do papado estudar a história da Igreja e ver que além de não ter base Bíblica, a Ortodoxia em tempos alega que o Papado foi uma invenção humana, aliás quando o Bispo de Roma começou a ganhar força e poderio logo vieram os abusos da fé e os desvios, por isso os Ortodoxos se afastaram da Igreja Romana, Jesus é o Sumo Pontífice da Igreja, qualquer um que tome este lugar está usurpando o lugar de Cristo. O Catolicismo que se desenvolve depois de Agostinho acabou tornando-se algo sincrético, eles não manterão a pureza da Fé Cristã, O Papa adquiriu o absurdo poder de declarar dogmas de Fé, e diz a Igreja Católica que um dogma não pode contrariar o outro, mais ao longo dos séculos esta dita Igreja vem mudando suas doutrinas sorrateiramente se contradizendo, sem que os fieis percebam, e o seu suposto poder é tão grande que eles definem quem vai e quem não vai para o inferno. Enfim de fato Agostinho estava certo Fora do catolicismo não á Salvação, isso significa que fora da Fé em Cristo que é uma Fé Universal e não exclusiva de um povo apenas, não existe Salvação, mais infelizmente os Papistas amam mais o Papa e seus dogmas que Jesus e a Palavra de Deus, eles vão negar mais isso é fato, a Ortodoxia tem seus Patriarcas mais nenhum deles pode proclamar dogmas de fé, nenhum deles se põe como substituto de Cristo, assim como os pastores protestantes não se põe como substitutos de Cristo, mais segundo os Fissurados no Romanismo Eu por ser Ortodoxo, você por ser protestante e os 21 Cristãos Coptas (Pertencentes a Igreja Ortodoxa) que recentemente preferiram morrer do que negar a Cristo vão para o inferno e suas famílias que em entrevista a rede de TV disseram que não querem a morte dos assassinos e sim que eles conheçam a Jesus se arrependam de seus erros e sejam salvos, irão para o inferno. aqui http://www.ecclesia.com.br/ podem encontrar informações sobre o outro lado do Catolicismo aquele que segue a verdadeira fé e não a achismos e tradições humanas.

    ResponderExcluir
  27. Primeiro vou escrever pouco. Porque que escrever muito fala demais. E muito engraçado disse que a igreja universal(católica) e uma seita. Minha igreja não foi fundada por homens que come arroz e feijão. Foi fica aqui pensador. Porque as igrejas protestantes tradicionais tem quase a mesma doutrina da igreja universal? Ser a igreja fosse errado jesus teria mentindo. Porque ele estaria com a igreja ate o fim dos tempo. Não será um simples aniquilicionista que ira derruba a santa universal da Santíssima Trindade.eu desafio vc por um debates. Vamos debate um pouco. E muito simples disse a igreja e aquilo e aquilo e não prova. Saindo mundado a história. E mundando os escristo dos pais para favorecer. E o desafio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me desculpe, mas não tenho nenhum interesse em debater qualquer coisa com analfabetos. "Fim dos tempo"? "Desafio por um debates"? "Ira derruba"? "Saindo mundado"? "Mundando os escristo"? Como eu vou debater com alguém que eu sequer entendo o que escreve?

      Excluir
  28. Sou católico, não me ajoelho diante de imagens, nem peço para santos, nem acredita que o papa é Deus, mas acredito no magistério, sou um Lutero da vida, não creio no erro, mas valido oque creio. Ler teses numero 50 e 51 de Lutero.
    Sou carismático da comunidade católica shalom. Deus é minha vida, mas essa igreja católica do seu artigo eu não conheço. Irei eu ser condenado por estar em uma instituição "errada", mesmo nao praticando oque ditos seguidores da religião católica dizem?
    Tipo o irmão aí em cima, ele afirmou que se ajoelha diante imagens; Isso não é catolicismo. Catolicismo é amor para com Deus, pelo menos a minha visão do catolicismo. Eu acho que ninguém deveria falar com tanta certeza oque houve no passado, por que certamente não temos certeza de nada. As TJ dizem que Cristo nao morreu na cruz, mas sim num madeiro, e eles tem bases históricas para isso; Então como podemos ter tanta certeza da história? A bíblia pode sim ter sido alterada ou alguem ter tirado alguns livros, e a condenação deste é certa. Pense comigo, se satanás estivesse agindo através da igreja, nao acha que já nao teriam destruído as sagradas escrituras?
    Existe um templo aqui perto chamado Igreja Evangélica Tabernáculo da Verdade. Nos cultos eles rodam, dançam, fazem um monte de coisas envolta de uma copia da arca da aliança, seria um ato de idolatria? Pois como os mesmo israelitas criaram o cordeiro de ouro e dançaram em volta dele.
    Eu acredito na existência da mãe de Deus filho, e que ela está salva, assim como todos os santos e pessoas importantes como irmã dulce, Teresinha do menino Jesus, faustina, todos os apóstolos e os mártires que morreram em Cristo. Tão boas obras surgidas da fé em Jesus eles praticaram, por isso eu acredito em todos os santos. Em exceção as aparições da virgem Maria.
    Ah, já fui protestante da igreja assembleia de Deus Pedra de Canaã, e sai dela sem nenhum arrependimento. As praticas tradicionais da Igreja Católica são lindas, é por que nao gosto de igrejas que se modernizam, prefiro as mais tradicionais e a escolhida por mim foi a igreja católica.
    Não acho que consigo sair dela, eu estou lendo a escritura sagrada desfazendo o mito que diz que católico nao le bíblia e é cego. Enxergo muito bem, leio as escrituras e até hoje não sai da igreja; pretendo cumprir os sacramentos e eu concordo com o celibato.
    Parabéns pelo artigo, seria interessante você debater com os admins do 'Fiel Católico', o conhecimento de vocês estão no mesmo nível. Boa noite a paz de nosso senhor Jesus Cristo. Shalom!

    ResponderExcluir
  29. Lucas, você afirmou, em resposta a um católico aqui nos comentários, que a inquisição matou cerca de 10 milhões de pessoas em três séculos; porém, eu estava lendo o blog do Elisson Freire, em que ele afirma que há uma tendência da apologética católica em tentar relativizar o número de mortos pela inquisição, e que também há uma tendência de certos autores não católicos de inflar os números de mortos pela inquisição. Então, qual foi o número de mortos pela inquisição? Pois, como parece, não há um consenso sobre número de mortos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Houve dois erros ali, na minha fala de 2012 que você se refere. O primeiro é colocar os 10 milhões na conta da Inquisição, quando na verdade a grande maioria recai sobre outros crimes que não a Inquisição, embora alguns usem erroneamente o termo "Inquisição" para se referir a qualquer prática católica genocida (como eu fiz naquela ocasião). E o segundo erro é considerar apenas 10 milhões, quando alguns estudos (inclusive aquele que o Elisson linkou no artigo dele) mostram a cifra de 50 milhões, sendo entre 15 e 20 milhões apenas de índios assassinados pelos espanhois na América Central, outros muitos milhões de guerras religiosas provocadas pelo papado, outros em chacinas históricas, outros nas Cruzadas, outros na caça às bruxas, e outros na Inquisição mesmo.

      Excluir

Seu comentário será publicado após passar pela moderação. Ofensas, deboches, divulgação de páginas católicas (links), control c + control v e manifestações de fanatismo não serão aceitos. Todos os tipos de perguntas educadas são bem-vindas e serão respondidas cordialmente. Caso o seu comentário ainda não tenha sido liberado dentro de 24h, é possível que ele não tenha chegado à moderação, e neste caso reenvie o comment.